ActivoBank

Itens relacionados

sábado, 16 novembro 2019 05:16

PORTUGAL PRESENTE NA 1ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DE SURF TERAPÊUTICO NA CALIFÓRNIA

Portugal marcou presença com a SURFaddict e a Wave by Wave.

 

Sinal do crescimento da importância do surf como terapia foi a realização, entre os dias 6 e 9 de Novembro, em Los Angeles, da 1ª Conferência/Simpósio Internacional de Surf Terapêutico.

Organizado pela ISTO – International Surfing Therapy Organization (plataforma que interliga intervenientes no campo do surf terapêutico de todo o mundo), reuniu mais de 60 participantes, de 32 organizações, vindos dos Estados Unidos, Austrália, África do Sul, Nova Zelândia, Reino Unido, Holanda, Espanha e Israel, entre outros.
Portugal marcou presença  com a SURFaddict - Associação Portuguesa de Surf Adaptado e a Wave by Wave. Entre diversos Portugueses presentes, Teresa Abraços foi a representante da SURFaddict e José Ferreira da Wave by Wave.

*Comitiva Portuguesa presente.


Para a ISTO, “o surf terapêutico recorre a uma abordagem estruturada de modo a alcançarem-se benefícios terapêuticos”,  “[combinando] os elementos terapêuticos do oceano com a aventura do surf, de modo a influenciar positivamente o bem-estar físico e mental de pessoas em todo o mundo”, “com um foco na compreensão e divulgação de práticas baseadas em evidências [científicas]”.

Neste congresso realizaram-se ainda 12 painéis, com a presença de um vasto leque de pessoas, desde  investigadores e especialistas em saúde mental, a surfistas profissionais que abraçaram o surf terapêutico como nova vida no pós-competição.

No último dia decorreu um evento de surf adaptado na praia, em que os participantes no meeting tiveram oportunidade de ir para a água demonstrar as suas técnicas e trocar experiências. Não há dúvida de que o surf, visto como a actividade de se deixar envolver pela imersão no oceano e pelo movimento das ondas, pode servir como terapia ao serviço de um leque variado de utentes, desde pessoas que sofram de perturbação do Stress Pós-Traumático (nomeadamente militares, polícias, bombeiros e paramédicos) a pessoas portadoras de deficiências físicas e mentais, passando pelo apoio à inclusão social de crianças e jovens em risco.

Assim, o surf para além do prazer de deslizar nas ondas, é ainda uma excelente ferramenta para recuperação física e mental, bem como para integração social.


Dito de outra maneira, o surf, visto como a actividade de se deixar envolver pela imersão no oceano e pelo movimento das ondas, pode servir como terapia ao serviço de um leque variado de utentes, desde pessoas que sofram de perturbação do Stress Pós-Traumático (nomeadamente militares, polícias, bombeiros e paramédicos) a pessoas portadoras de deficiências físicas e mentais, passando pelo apoio à inclusão social de crianças e jovens em risco.


Assim, o surf para além de proporcionar-nos benefícios como prazer, desafio e aventura é ainda uma ferramenta para regeneração e recuperação física e mental bem como para integração social.

Para mais informação consultar :
https://intlsurftherapy.org/
facebook.com/wavebywave/
https://www.surfadaptado.pt/

 

  • Créditos fotos: Pedro Quadros

Perfil em destaque

Scroll To Top