Itens relacionados

quinta, 26 novembro 2015 17:18

1 MINUTO COM FREDERICO BRITO

O novo Campeão Nacional Masters, na divisão +40 anos (Grand Masters), dedicou-nos 60 segundos do seu tempo...

 

Frederico “Fredy” Brito, 44, ex-surfista profissional portuense, é um ícone do surf nacional com mais de trinta anos de experiência. No palmarés deste emblemático e carismático surfista constam várias participações em campeonatos nacionais, mas também em provas realizadas no estrangeiro, nomeadamente, na Austrália e em França.

No último fim de semana, com um desempenho avassalador, sagrou-se Campeão Nacional de Surf na categoria Grand Masters (+ 40 anos) e acabou por sair da água carregado em ombros. Sobre tão importante feito, para o qual trabalhou toda a sua vida, acabou por partilhar connosco algumas palavras…

 

 

Passados tantos anos de surf e competições, como foi participar no primeiro Campeonato Nacional de Masters?

Estou muito feliz por ter voltado a competir a nível nacional neste Campeonato de Surf Masters! O campeonato foi um sucesso em que prevaleceu o espírito competitivo de vários surfistas presentes.

 

E como foi sair vitorioso da categoria Grand Masters?

O Campeonato Nacional Master já há muitos anos que teria de ser realizado. É uma lacuna que foi finalmente preenchida, pois em qualquer país cujo nível de surf é aceitável, existe um campeonato com estas caraterísticas. Tudo o que posso dizer é que foi muito gratificante sair vencedor, pois trabalho muito fisicamente para manter a forma, quer seja no surf quer noutra atividade desportiva.

 

O evento tem definitivamente um espírito diferente. Que resumo farias da prova e que aproveitarias para salientar destes dois dias de competição?

Penso que esta prova é um sucesso garantido. Foi, acima de tudo, um reencontro da primeira geração competitiva e um marco histórico no surf português.

 

Sobre tão importante conquista, “Fredy” escreveu ainda nas redes sociais o seguinte texto: “Obrigado pelas vossas mensagens de carinho! Deus sabe o quanto trabalhei estes anos todos (35) para que o Surf fosse um desporto reconhecido e respeitado! Quero dedicar este título de Campeão Nacional Master +40 aos emblemáticos surfistas: João Carlos Alves, Tómi, David Ferreira, Kiko Mourão, Filipe Agrelos, Vinícius Pereira (ex-selecionador nacional) e Pedro Mello que podem ter já partido deste mundo fisicamente, mas jamais serão esquecidos por aqueles que aprenderam e conviveram com eles. Também aproveito para homenagear Zé Pedro Skate pela influência na minha geração e pelo Surf super moderno e competitivo que nos mostrou! Ao meu pai e a minha santa mãe, que Deus os tenha, por me darem a liberdade de escolha do desporto que tanto gosto! À minha mulher, Liliana Castro, agradeço o apoio incondicional. Aloha!”

 

- Após a final, a sair da água carregado em ombros. Foto: Pedro Pimenta

 

Hoje em dia, além de continuar a cumprir a função de DJ em várias festas, Frederico Brito dedica praticamente todo o seu tempo a operar a Fredy Surf School, uma escola de surf situada na praia de Matosinhos, no Edifício Transparente, onde é um dos técnicos presentes devidamente credenciados e ajuda, dá dicas e treina uma nova geração do surf nacional que dá agora os primeiros passos.

 

Obrigado por toda a tua dedicação, Fredy. Parabéns!

 

--

Resultados do Campeonato Nacional de Masters, AQUI.

Entrevista com Zé Beto, Presidente do Surf Club do Porto, AQUI.

--

Entrevista: AF

Perfil em destaque

vimeo

 

 

Scroll To Top