sexta-feira, 14 maio 2021 16:16

Vasco Ribeiro é o único português nos quartos de final do Estrella Galicia Santa Cruz Pro

No quarto dia de competição, três portugueses ficaram pelo caminho...

 

Vasco Ribeiro está nos quartos de final do Estrella Galicia Santa Cruz Pro presented by Noah Surf House, prova que está a decorrer na Praia do Mirante em Santa Cruz, Torres Vedras. Hoje realizaram-se as 12 baterias do Round 5 e 6 e pelo caminho ficaram os portugueses Tomás Fernandes, Guilherme Ribeiro e Nic von Rupp.

Vasco Ribeiro entrou no heat 7 do Round 5 e foi o único português a apurar-se para a ronda seguinte. Fez um score total de 16,67 pontos (em 20 possíveis), combinando duas ondas pontuadas acima de 8 pontos. "Espero fazer mais dois 8 no próximo round. Foi um bom heat, as ondas estão incríveis. Sinto-me muito bem neste tipo de ondas. Estou feliz por seguir em frente com o Aritz [Aranburu], que é um grande amigo meu. Agora vou descansar, para estar pronto para o próximo heat", disse o surfista da Praia da Poça ao sair da água.

 

Vasco Ribeiro 

Por Pedro Mestre

 

Na ronda seguinte, Vasco teve pela frente os franceses Charly Quivront, Thomas Ledee e Tristan Guilbaud e voltou a vencer. O surfista português fez um score total de 16,56 pontos, somando duas ondas (de 7,83 e 8,73 pontos) e reservando assim, para si um lugar nos quartos de final, onde também chegou em 2019, no Pro Santa Cruz. "Estava à espera de uma direita, mas depois vi aquela esquerda, linda, e vi que tinha de ir com tudo! Estou bem, sinto-me bem e preparado para o dia das finais", disse Vasco.

Olhamos agora para os restantes portugueses em prova hoje. Tomás Fernandes foi o primeiro a entrar em ação, foi logo no primeiro heat do dia mas, ao contrário do que tinha acontecido ontem, não venceu a bateria e terminou a prova na 17.ª posição. O surfista da Ericeira finalizou o 1.º heat do Round 5 na 3.ª posição, com um score total de 8,60 pontos (em 20 possíveis), numa bateria em que se apuraram os franceses Gaspard Larsonneur (com um score de 12,40 pontos) e Dorian Gomez (12,17 pontos). 

No 3.º heat do dia, Guilherme Ribeiro não foi além de 7,14 pontos (em 20 possíveis), e terminou a bateria na última posição. O surfista de 19 anos da Costa de Caparica ficou na 25.ª posição no Estrella Galicia Santa Cruz Pro presented by Noah Surf House, depois de perder numa bateria em que se qualificaram para a ronda seguinte o espanhol (que vive em França) Andy Criere e o francês Timothee Bisso. De notar que Criere venceu o Santa Cruz Pro 2016, a 31ª etapa da Qualifying Series da WSL, que decorreu na altura na Praia da Física.

 

Guilherme Ribeiro

Por Pedro Mestre 

 

Foi preciso esperar até ao Heat 6 para ver entrar na água mais um português. Foi Nic von Rupp que, numa bateria com scores muito equilibrados, acabou mesmo por ser eliminado da prova. Totalizou 11,10 pontos (em 20 possíveis), menos 0,96 pontos que o 2.º classificado, o francês Tristan Guilbaud e menos 1,33 que o líder do heat, o também francês Leo Paul Etienne. O surfista da Praia Grande terminou assim a participação nesta etapa do QS na 17.ª posição. 

Um dos grandes destaques do dia, a nível internacional, foi Lucas Silveira. O ex-campeão mundial júnior, que já se tinha destacado no primeiro dia de prova, fez hoje uma das melhores performances de todo o evento, alcançando um score total de 17,13 pontos (em 20 possíveis), no 2.º heat do round 6.

 

Lucas Silveira

Por Pedro Mestre 

 

"Chegar ao dia das finais é o objetivo de todos, estou feliz por lá chegar naquela que é a primeira competição em tanto tempo", disse Silveira. "Estas são as melhores ondas que tivemos esta semana, gostei muito do dia de hoje e acho que amanhã vai ser super divertido também, mal posso esperar!", acrescentou.

Em evidência do Round 6 esteve também Timothee Bisso. O surfista francês que vive na Ericeira conhece bem as ondas portuguesas e no 1.º heat desta ronda, ao início da tarde de hoje, não deu quaisquer hipóteses aos adversários, ao vencer a bateria com um score total de 16 pontos, combinando duas ondas de 7,50 e 8,50 pontos.

 

Timothee Bisso

Por Pedro Mestre

 

"No Round 5 ainda não tinha encontrado o meu ritmo, mas agora sim, estou muito feliz, optei por aquela esquerda e apanhei boas ondas", explicou Timothee que trabalha há já 3 anos com o treinador português José Seabra. "Quando perdi sponsor, ele ajudou-me, começámos a trabalhar há 3 anos, e mudou a minha vida, estou muito feliz, e agradecido. O meu objetivo? É fazer mais heats, estou preparado", concluiu o surfista francês de 24 anos.

A próxima chamada está agendada para amanhã, sábado, dia 15 de maio, às 9h, na Praia do Mirante, em Santa Cruz, para avaliação das condições e possivelmente realizar quartos de final, meias-finais e final.

 

Por Pedro Mestre

Itens relacionados

Perfil em destaque

Scroll To Top