Jeremy Flores Jeremy Flores Action Images terça-feira, 10 agosto 2021 07:43

Jeremy Flores despede-se do Circuito Mundial de Surf da WSL

O surfista vai terminar a sua carreira de competição em Teahupo’o.

 

“Não gosto da palavra ‘reforma’”, escreve o surfista francês de 33 anos num post do Instagram. No Tour desde 2007, Jeremy Flores diz que está apenas a seguir em frente, depois de ter estado quase 15 anos a fazer parte da elite mundial de surf.

O surfista chega ao fim desta fase da sua vida satisfeito: “graças ao surf profissional, tenho a sorte de viver uma vida feliz e sustentar a minha família”. Em 25º lugar no ranking do CT, Flores reflecte sobre os últimos anos e escreve, em tom de brincadeira, que já não está ao nível da nova geração de competidores. Fala também sobre o elevado nível de exigência do surf de competição: “há muita coisa nos bastidores que as pessoas não vêem, é intenso, requer muita energia”.

 

 

Breve Histórico Competitivo de Jeremy Flores:

A carreira de Jeremy Flores conta com quatro vitórias no CT: Pipe Masters em 2010 e 2017, Billabong Pro Teahupo'o em 2015, e Quiksilver Pro France, 2019. Neste que foi o seu último ano no CT, o surfista acrescentou ainda à sua já excepcional carreira o facto de ter competido na primeira edição dos Jogos Olímpicos que incluiram surf como uma modalidade.

Com palavras de agradecimento a família e amigos, Flores termina o post de forma positiva: “estou entusiasmado para o futuro”. 

No Corona Open Mexico, que começa hoje, Jeremy Flores está no hear 4, contra o brasileiro Filipe Toledo e o Mexicano Jhony Corzo.

Itens relacionados

Scroll To Top