Certificado de vacinação Covid deverá ser uma realidade a nível Mundial em breve. Click - blog.tzviagens Certificado de vacinação Covid deverá ser uma realidade a nível Mundial em breve. Click - blog.tzviagens
quinta-feira, 10 junho 2021 05:38

VIAGENS - Certificado Digital Covid da UE a partir de 1 de Julho

Como serão as viagens num futuro próximo é uma questão que interessa a todos nós.....

 

.... e como a Europa começa a reabrir as suas fronteiras para viajantes de fora do Continente, a União Europeia anunciou o lançamento de seu Certificado Digital Covid da UE - definido para permitir a liberdade de viajar dentro do espaço Europeu.


Neste momento há nove países a usar a emissão de certificados, e espera-se que mais adiram antes do lançamento oficial desta realidade apontada para 1 de julho. O Parlamento da UE votou a favor para aprovar o lançamento deste certificado, ontem dia 9 de junho.


"A UE conseguirá abrir as suas fronteiras novamente este verão", disse Thierry Breton, comissário Europeu.

 

 

Quem é elegível para obter certificado e como se consegue? Aqui está o que devemos saber:

 

O que é?

Atualmente, caso viajemos entre dois países da UE teremos de cumprir cada uma das regras individuais de entrada em cada País - o que pode significar testes diários se estivermos ao volante ou a andar de comboio para darmos a volta ao continente.


Este novo certificado, vai registar três coisas: a ficha de vacinação do titular, os exames negativos ou o registo de infecção anterior. Será válido em todos os estados membros da UE, além da Islândia, Liechtenstein e Noruega. 

Este certificados digitais Covid-19 da UE serão também abertos a viajantes internacionais fora da UE.

 

É o mesmo que o passaporte de vacina da Covid da UE?
Sim - é o de toda a UE para viagens dentro do bloco. Também conhecido como "passe de imunidade" ou "passe de saúde", embora o Certificado Digital Covid da UE seja o nome oficial (e mais brando).

 

É um certificado digital ou em papel? É grátis?
Sim é grátis.

Se é em papel ou digital isso vai depender do titular - poder-se-á escolher qualquer um. Ambos terão um "código QR assinado digitalmente" que pode ser digitalizado na entrada de cada país. Será no idioma nacional do país que o está a emitir, além do inglês. (Os Estados membros concordaram com um projeto comum).

 

Como funciona?
A cada organismo emissor foi atribuída uma assinatura digital, que está incorporada no código QR; os funcionários da fronteira farão o scanner do código QR para ver os dados, embora nenhum dado pessoal seja visto - nem os dados pessoais do titular passarão pelo portal que as nações estão a usar para verificar as assinaturas.

 

Quando começa?
Oficialmente em 1 de julho, com os estados membros a ter mais seis semanas, se necessário. No entanto, com os países europeus a competir pelo aumento de turismo, deverá ser uma situação célere comum a todos. Na verdade, nove Estados membros já estão a emitir certificados neste momento.

 

Quais países  que já estão a usar estes certificados?
A  8 de junho, havia nove Estados membros da UE inscritos e a imitir: Bulgária, Croácia, República Checa, Dinamarca, Alemanha, Grécia, Lituânia, Polônia e Espanha. 

 

É necessário ser vacinado para obtê-lo?
Não. O certificado também informará sobre uma possível recuperação recente de Covid-19, assim como resultados de teste negativos - incluindo o PCR.

 
É necessário estar totalmente vacinado?
Não necessariamente - o certificado registará se a pessoa tomou uma ou duas doses. Cabe a cada estado membro decidir se o certificado é aceitável com apenas uma.

 

A vacina que foi administrada afeta a posse deste certificado?
sim. Apenas vacinas aprovadas para uso na UE contam - portanto, para já, o Sinovac ou o Sputnik V, por exemplo, não contam.

Itens relacionados

Perfil em destaque

Scroll To Top