Ondas perfeitas e surf de excelência na abertura do Special Event do Circuito ASCC

Circuito ASCC Caparica Power 2022 ...



O primeiro dia do Special Event do Circuito ASCC Caparica Power 2022 sponsored by Almada Forum presented by Billabong powered by Native Açaí e Go Chill contou com ondas perfeitas de 1,5m e vento off-shore na Praia do Marcelino, Costa de Caparica.

 

Gui Gato Ribeiro prepara-se para entrar para o heat.


Com a maré a encher as condições estiveram de gala nesta prova organizada pela ASCC (Associação de Surf da Costa de Caparica), dando oportunidade aos surfistas de fazerem alguns tubos e apresentarem surf de rail ao mais alto nível. Se a qualidade das ondas deixou toda a gente com os olhos posto no mar, o nível de surf dos atletas não ficou atrás tendo-se registado várias notas excelentes.

Foram realizadas 12 baterias tendo ido para a água o round 1 e quartos-de-final de quatro atletas da categoria Open. A primeira ronda teve baterias de 25 minutos enquanto a fase seguinte contou com 30 minutos cada para aproveitar todo o potencial das condições e dar mais oportunidades aos surfistas. A prova feminina realiza-se apenas amanhã.

 



Francisco Almeida esteve em grande forma ao realizar a melhor onda e melhor score do dia com 9.00 pontos (em 10 possíveis) e 16.93 em 20 possíveis. Com uma escolha de ondas quase perfeita, o surfista de 23 anos apanhou uma direita onde efetuou um belo tubo tendo depois complementado com vários carves que lhe valeram essa onda excelente.
O nível de surf estava tão alto que Cainã Souza, nesta mesma bateria, efetuou nas suas duas melhores ondas 8.23 e 7.67 fechando a sua performance em 2º lugar com o score de 15.90, atrás de Francisco Almeida.

O atual campeão nacional, Guilherme Ribeiro, voltou a mostrar estar num grande momento de forma tendo apresentado um surf de rail muito afiado que lhe valeu a nota excelente de 8.33 a que juntou um 7.67 finalizando a sua passagem à fase seguinte com um score total de 16.00 pontos.

 



Miguel Matos, logo na primeira bateria do dia, começou a todo o gás tendo pontuado nas duas melhores ondas uma nota excelente de 8.50 e outra de 7.17 finalizando com o score de 15.67 pontos. Mas não conseguiu manter a mesma consistência tendo sido eliminado na fase seguinte numa bateria onde o vencedor, Alan Saulo, deu um show de surf com duas notas excelentes 8.40 e 8.17

Em termos surpresas, destaque para as eliminações do wildcard, Justin Mujica, que não se encontrou com as boas ondas na segunda bateria que disputou e do campeão do circuito Open deste ano, André Moi, numa bateria muito renhida vencida por Guilherme Ribeiro com Rafael Nóbrega em 2º lugar. O campeão do circuito deste ano em Sub-21, Francisco Queimado e Davi Neves também não conseguiram qualificar-se para o dia decisivo do evento.

 



O check-in para amanhã está marcado para as 8.00h para um possível recomeço da competição às 8.30h que, caso as condições permitam, irá avançar com a prova feminina a que se seguirão os quartos-de-final man-on-man masculinos. O dia irá terminar com a coroação do campeão e campeã do Special Event que irão ganhar prémios fantásticos.

  • Créditos fotos: Caparica Waves
Scroll To Top