banner topf

Itens relacionados

segunda, 28 janeiro 2019 12:08

Nova Academia da Federação Portuguesa de Surf recebe 1º estágio do ano

Instalações ficam no Cascais Surf Center, em plena Praia de Carcavelos…

 

Os atletas convocados para a equipa nacional de Surf Open de 2019, já foram selecionados para os testes físicos a realizar no complexo desportivo do Jamor e para o primeiro estágio do ano nas novas instalações de treinos da Federação Portuguesa de Surf (FPS), no Cascais Surf Center, em Carcavelos.

 

Frederico Morais, Guilherme Fonseca, Eduardo Fernandes, Jácome Correia, Luís Perloiro, Miguel Blanco, Pedro Henrique, Tomás Fernandes, Pedro Coelho, Vasco Ribeiro são os atletas chamados para a equipa nacional de surf Open.

 

Na ala feminina, Camilla Kemp, Carol Henrique, Mafalda Lopes, Mariana Assis, Teresa Bonvalot e Yolanda Hopkins são as surfistas selecionadas.

 

Neste grupo de atletas serão escolhidas três equipas para a Seleção Nacional Open que vão competir nas diferentes provas de 2019. Os sufistas vão medir forças no Eurosurf, em Portugal, e onde vão defender o título conquistado em 2017; nos ISA World Surfing Games e nos Beach Games San Diego – uma prova pré-olímpica criada este ano.

 

 

“Os atletas da equipa nacional estão ser avaliados para conhecermos a suas capacidades e prepararmos o trabalho nos próximos dois anos. Estamos na linha da frente, a nível mundial, ao realizarmos testes nunca antes efetuados por surfistas de outros países. A partir desta fase, teremos dados concretos para organizar e orientar a intervenção, a nível de nutrição, prevenção de lesões e do rendimento físico e gestão do esforço. Este departamento será coordenado pelo Dr. Alberto Prata, que iniciou agora funções e está a organizar o Departamento Clínico da FPS”, afirma o professor Miguel Moreira, Diretor Técnico da Federação Portuguesa de Surf.

 

Em fase de preparação para os Jogos Olímpicos de 2020, esta nova academia de treinos da FPS vai criar uma maior proximidade dos atletas e à Federação ao permitir treinos mais regulares das equipas. A nova infraestrutura visa o melhor desenvolvimento de atletas de alto rendimento, com um programa de referência a vários níveis desportivos.

 

Para João Jardim Aranha, presidente da FPS, “Com a Academia da FPS inicia-se uma nova e importante fase do percurso desportivo das equipas nacionais que terão agora á sua disposição os treinadores das Seleções Nacionais de uma forma mais próxima e contínua para o desenvolvimento desportivo para os melhores resultados das Seleções Nacionais”.

 

O primeiro estágio nestas instalações decorre já no próximo dia 31 de janeiro.

 

Perfil em destaque

Scroll To Top