Itens relacionados

segunda, 27 março 2017 11:59

Inaugurado o “Guardião da Reserva Mundial de Surf da Ericeira” 

Cerimónia teve lugar no passado sábado, por ocasião da Allianz Ericeira Pro, 1.ª etapa da Liga MEO Surf 2017…

 

Prestando reconhecimento às gerações de homens e mulheres que deslizam sobre as ondas e registando o apelo coletivo à proteção deste património único, o Município de Mafra, o Ericeira Surf Clube, a Associação dos Amigos da Baía dos Coxos e a Associação SOS – Salvem o Surf inauguraram, com o apoio da Federação Portuguesa de Surf e da Associação Nacional de Surfistas, a estátua “Guardião da Reserva Mundial de Surf da Ericeira”, instalada no miradouro da praia de Ribeira d’Ilhas, “sala de visitas” do surf português. A iniciativa realizou-se no passado sábado, por volta das 16 horas, por ocasião da Allianz Ericeira Pro, 1.ª etapa da Liga MEO Surf 2017.

 

O “Guardião da Reserva Mundial de Surf da Ericeira” faz o apelo coletivo à preservação ambiental: todos – dentro e fora de água – somos guardiões deste património único que são ondas. A escultura está instalada no miradouro de Ribeira d’Ilhas, a mais mediática e cosmopolita das sete singulares ondas que constituem a primeira Reserva da Europa e a segunda do mundo.

 

Evocando o compromisso assumido, há cinco anos, na defesa dos valores intrínsecos (ecologia, natureza, surf e cultura local) da Reserva Mundial de Surf da Ericeira (RMSE), a instalação desta escultura é uma iniciativa da Câmara Municipal de Mafra, do Ericeira Surf Clube, da Associação dos Amigos da Baía dos Coxos e da Associação SOS Salvem o Surf, entidades que integram o Conselho Municipal de Gestão da RMSE.

 

Na cerimónia de inauguração, promovida pelas entidades atrás referidas, com o apoio da Federação Portuguesa de Surf e da Associação Nacional de Surfistas, o escultor e munícipe José Queiroz, autor da escultura, fez a apresentação do conceito desta peça que pretende, simultaneamente, apelar à preservação ambiental e homenagear gerações de surfistas: “O surfista apresenta-se como se tivesse sofrido uma transformação anatómica causada pela adaptação ao meio aquático, inspirada pelo próprio movimento da água. Desta forma, assinala-se a extraordinária capacidade de adaptação do Homem, reinventando-se para evoluir”.

 

O nome escolhido para esta estátua evoca a necessidade de uma consciencialização, cada vez mais urgente, para a preservação do nosso planeta e para a responsabilidade de cada um, partilhando dos pressupostos inerentes ao estatuto de Reserva Mundial de Surf.

 

Neste contexto, o Guardião da Reserva Mundial de Surf da Ericeira irá “zelar”, simbolicamente, pelos valores intrínsecos da Reserva, que em todos devem ser incutidos: a ecologia, a natureza, o surf e a cultura local. Assume-se, assim, como o símbolo de uma zona de excelência que tem de ser preservada para as futuras gerações.

Perfil em destaque

  • TIAGO GUERRA - 9 ANOS - LISBOA TIAGO GUERRA - 9 ANOS - LISBOA

    O perfil desta semana chega-nos de Lisboa e, embora a sua idade ainda se conte pelos dedos das mãos, o titulo de campeão já faz parte do seu currículo...

Scroll To Top