1/8 de final definidos nos ISA World Junior Surfing Championships 2023

Portugal mantém-se firme na 7ª posição da competição mas ainda com possibilidade de conquistar uma medalha

 

O 5º dia de competição decorreu esta quarta feira, dia 29 de Novembro na Praia da Macumba, Rio de Janeiro. Ondas pequenas e pouco consistentes foram a realidade para os competidores que deram o seu melhor na busca por uma medalha individual e por equipas.

Após este 5º dia de competição a Austrália  lidera o ranking por equipas, à frente de França, Brasil, Japão e EUA.

 

 

Os melhores juniores do mundo foram colocados à prova neste quinto dia dos ISA World Junior Championship (WJSC) 2023. Uma ondulação a decrescer, combinada com o facto de que cada bateria significar agora uma eliminação direta, deu extrema importância e pressão a este dia. 

 

Cinco equipas começaram o dia totalmente intactas; Austrália, EUA, Japão, Brasil e o atual campeão Havaí. Mas no espaço de uma hora cada uma destas equipas viu os seus primeiros surfistas serem eliminados e no final do dia a Austrália afirmava-se na liderança, à frente de França, Brasil, Japão e EUA.

 

Equipa Portuguesa mantém 8 atletas em prova:

Quanto à equipa Portuguesa, que tem estado muito unida e com excelentes performances, após este 5 dia de prova, mantém 3 atletas na categoria sub 18 masculino, 2 em sub 18 feminino, 2 atletas em sub 16 masculino e 1 atleta em sub 16 feminino. Ficaram eliminadas em sub 16 Lua Escudeiro e Constância Simões, em sub 16 masculino Salvador Vala. No dia anterior tinha sido eliminada Érica Máximo(sub 18). Ou seja Portugal tem agora em prova 8 atletas cujos resultados vão ser fundamentais para que Portugal conquiste uma medalha histórica no Brasil. A selecção Lusa liderada por David Raimundo soma agora 8390 pontos, encontrando-se na 7ª posição.

Jaime Veselko - ISA

Na categoria sub 18 masculina, Francisco Ordonhas, Mittermeyer e João Mendonça passaram as respectivas eliminatórias em 1º lugar, fazendo o pleno nesta categoria. Na categoria sub 18 feminina Maria Dias e Maria Salgado passaram as suas eliminatórias encontrando-se agora na mesma bateria dos oitavos de final. Em sub 16 masculino Salvador Vala era eliminado após um heat com muito poucas ondas e onde o jovem surfista Luso não conseguiu encontrar as ondas que pretendia. Aqui Matias Canhoto fazia no seu heat o 2º melhor total combinado da categoria sub 16 masculina. Também Jaime Veselko com uma boa prestação garantia a passagem aos 1/8 de final.

Matias Canhoto - ISA

 

Por fim na categoria sub 16 feminina duas Portuguesas não se conseguiam encontrar com as ondas sendo assim eliminadas, Constância Simões e Lua Escudeiro perdiam na 4ª posição. Já Teresa Pereira conseguia fazer uma boa gestão do seu heat e lograva passar à fase seguinte.

 

 

O evento pode ser acompanhado através do website oficial da ISA. 

 

 

 
Maria Dias - ISA

 

Classificação por equipas após 5º dia de competição:

 

 

Em comunicado a ISA fez um elogio à atleta Portuguesa Teresa Pereira: "Pelo segundo dia consecutivo, Teresa Pereira (POR), de 16 anos, esteve à altura, utilizando uma impressionante gestão do seu heat para obter 6,67, uma das pontuações mais altas do dia numa única onda."

 

“Com certeza sinto-me um pouco stressada”, disse Pereira. “Mas o objetivo é fazer o heat. Quando a onda chega não podemos stressar porque não há muitas oportunidades, por isso quando apanhas uma onda não podes ficar nervoso e tens que surfar o melhor que puderes” Diz a surfista Portuguesa em conversa com o webcast.

 

Teresa Pereira - ISA

 

Agenda de Competição para hoje dia 30 de Novembro:

Perfil em destaque

Scroll To Top