Teresa Bonvalot Teresa Bonvalot WSL / Diz segunda-feira, 05 dezembro 2022 10:44

Frederico Morais deixa mensagem de apoio a Teresa Bonvalot: "És uma verdadeira campeã"

Teresa ficou a uma posição de se qualificar para o CT 2023. 

 

 

 

No passado dia 2 de Dezembro chegou ao fim o Haleiwa Challenger, a última etapa do Challenger Series 2022, onde os atletas lutavam pela qualificação para o CT 2023. Teresa Bonvalot tinha fortes chances de conseguir a qualificação, e chegou à final do event. Tendo terminado em 3º lugar, Teresa terminou o ano com o mesmo número de pontos que Sophie McCuloch. O factor de desempate foi o número de vitórias em heats durante o circuito: Sophie venceu 14 vezes, e Teresa venceu 10. Assim, Sophie ocupou o 5º lugar do ranking, e Teresa ficou em 6º. Apenas o top cinco consegue a qualificação para o CT.

Quem também estava a competir neste evento era Frederico Morais. Kikas, que foi cortado do CT este ano com a introdução do mid-season cut, lutava para conseguir voltar ao Circuito Mundial. Apesar de ainda ser possível, o desafio para Kikas era bastante maior, pois precisava de uma vitória no evento e ainda dependia de vários resultados alheios para conseguir a qualificação. O atleta acabou por perder nos quartos-de-final, e terminou o ano em 36º lugar no ranking.

Terminado o evento, Frederico Morais recorreu ao Instagram para deixar uma mensagem de apoio à conterrânea Teresa Bonvalot, que considera "uma verdadeira campeã". No post, o surfista afirma que Bonvalot tem muitos motivos de orgulho pela sua prestação este ano, e reconhece a frustração de perder por tão pouco: "Dói muito mais quando estamos tão perto de realizar um sonho mas também só acontece a quem tem coração e cabeça para voltar mais forte e com mais vontade". 

A publicação de Morais recebeu vários comentários de apoio a Teresa, vindos de nomes nacionais como Francisco Alves, Edgar Nozes e Kika Veselko, e nomes internacionais como Ian Gouveia, Michael Rodrigues e João Chianca. O surfista francês Maxime Huscenot, que se qualificou para o CT, escreveu: "Ela lutou com tudo o que tinha, com paixão e coragem. És um orgulho para todos nós na Europa, e todos sabemos que vais voltar e cumprir o objectivo". 

 

 

Scroll To Top