Julian Wilson aliviado após ter saido de uma onda com 12 pés plus em Fiji Julian Wilson aliviado após ter saido de uma onda com 12 pés plus em Fiji © Chris Peel domingo, 09 outubro 2022 05:22

"Já não sinto pressão... Posso relaxar e aproveitar as ondas e destinos pela experiência que são"... Julian Wilson

Julian Wilson fala sobre Cloudbreak.

 

 

Desde que se retirou da competição, Wilson diz que tem feito muito mais coisas e que não sente a pressão do desempenho quando está a surfar. Sente que pode relaxar e aproveitar as ondas pela experiência que são.

 

 

 

Julian Wilson mo outside de cloudbreak- © Chris Peel/Red Bull Content Pool

 

A enigmática série da Red Bull No Contest está de volta, desta vez com uma abordagem diferente - em vez de apresentar os bastidores do CT, vai atrás de outros destinos, novas ondas e novas caras, mas mantendo a essência que sempre teve. 

O início da temporada é marcado por uma visita a Fiji, onde se encontram ondas icónicas como a de Cloudbreak, considerada por muitos a melhor onda no planeta. Foi neste contexto, que Julian Wilson conversou com a Red Bull e fez algumas considerações sobre a viagem:

 

 

 "parecia assustador, eu pensava que não estava preparado, mas no final foi incrível, senti-me tão bem". Considerado um dos melhores destinos de surf, situada, apenas, a 4,8km do sul da Ilha de Namotu, Cloudbreak é caracterizada pela velocidade proporcionada pela onda que quebra sobre o recife quase perfeito e tende a ficar mais rápida, mais rasa e mais critica à medida que avança.

 

 

 

O surfista de 33 anos voltou a Fiji para surfar a Cloudbreak e afirma que "o povo de Fiji  é lindo. É uma das culturas mais especiais que tive a sorte de visitar em todas as minhas viagens". No ano anterior, Julian tinha ficado em Tavarua e Namotu, que é mais afastado da comunidade local, e desta vez ficou em Nadi, o que lhe permitiu uma proximidade sobre a cultura e os costumes dos habitantes da ilha. 

 

Durante a viagem com Tevita e Che Slatter afirma que:

 

" foi divertido, conseguimos desfrutar de um ótimo swell, talvez dos melhores que já apanhei. Foi diferente ir para Fiji apenas para surfar e não para competir".

 

 

Julian Wilson a entubar como um verdadeiro Pipe Master que é - © Chris Peel/Red Bull Content Pool

 

 

Desde que se retirou da competição, Wilson diz que tem feito muito mais coisas e que não sente a pressão do desempenho quando está a surfar. Sente que pode relaxar e aproveitar as ondas pela experiência que é, e acrescenta

 

 

 

"quero viajar para alguns lugares que ainda não estive, o deserto no sul da Austrália ou no norte de WA. Ambos estão na lista de alvos, com certeza."

 



Checa abaixo o vídeo sobre a viagem de Julian Wilson:
Scroll To Top