Lucas Silveira é o grande vencedor do Estrella Galicia Santa Cruz Pro presented by Noah Surf House

Estão fechadas as contas para o Challenger Series, nenhum português classificou-se, excepto Vasco Ribeiro se receber wildcard.

 

Lucas Silveira foi o grande vencedor do Estrella Galicia Santa Cruz Pro presented by Noah Surf House, que terminou hoje na praia de Santa Cruz. Esta foi a última paragem do Qualifying no circuito masculino da World Surf League (WSL) e por isso estão definidos os 9 melhores surfistas da competição, ou seja, o top 9 dos atletas que estão assim apurados para o Challenger Series.

Num heat cheio de emoções, o brasileiro foi mesmo o grande vencedor, depois de virar a bateria a segundos do fim. Lucas totalizou 12,93 pontos (em 20 possíveis), enquanto Gatien Delahaye somou menos 0,10 pontos. O surfista do Rio de Janeiro esteve mesmo na frente durante quase toda a bateria, mas o francês subiu ao primeiro lugar, a 3 minutos da buzina final. Ainda assim, não foi suficiente. Lucas, com mais uma onda bem perto dos 7 pontos (em 10 possíveis), recuperou a primeira posição e venceu mesmo o Estrella Galicia Santa Cruz Pro presented by Noah Surf House.

 

Lucas Silveira | Créditos de imagem: Pedro Mestre/WSL

 

“Sinto-me muito bem, foi uma final estranha, o Gatien fez boas ondas e teve notas altas, e foi uma boa batalha. Ele teve a nota que precisava para passar para 1.º e eu encontrei uma boa onda e voltei ao 1.º lugar. É assim… alguém tem de ganhar. Ainda bem que fui eu”, disse Lucas Silveira, que fez assim a segunda final em duas semanas. Para o brasileiro esta vitória significa que “o trabalho começa a dar resultados”. “Agora é ganhar ritmo para Austrália. E juntar algum dinheiro para algumas fraldas [risos]. Quero também dar os parabéns ao Gatien que tem feito um ótimo trabalho”, concluiu Lucas, que termina assim o ranking na 2.ª posição. Lucas é, de resto, ex-campeão mundial júnior, título que também conquistou em Portugal. 

Já Gatien, que já tinha um lugar garantido no Challenger Series, termina assim a prova em Santa Cruz no 2.º lugar. Aliás, foi a mesma posição em que tinha ficado em Israel, enquanto na Caparica somou um 3.º lugar. “A prova aqui foi incrível, bem como na Caparica e em Israel. Estou muito feliz, obrigada a todos que vieram aqui e espero ver-vos no ano que vem”, disse Gatien.

 

 Gatien Delahaye | Créditos de imagem: Pedro Mestre/WSL

 

Meias finais do Estrella Galicia Santa Cruz Pro

 

Na bateria da meia-final, Lucas Silveira tinha eliminado o francês Kauli Vaast, que precisava de uma vitória em Santa Cruz para ficar no Top 9 do ranking, ou seja, garantir uma vaga no Challenger Series. Depois de uma excelente prestação nos quartos de final, onde somou um score total de 17,10, Vaast ficou pelo caminho diante do surfista brasileiro de 26 anos, terminando a etapa na 3.ª posição. “Estou triste porque estava perto e cometi um erro quando o Lucas apanhou uma boa onda quando eu tinha a prioridade”, explicou Vaast. “É difícil perder assim tão perto da final, especialmente quando o que está em jogo é a qualificação. Cometi muitos erros nesta temporada, por isso vou voltar ao trabalho e tentar voltar mais forte na próxima época”, disse Vaast.

Na outra meia-final, e numa espécie de “remake” da prova em Israel, Gatien Delahaye tinha enfrentado o marroquino Ramzi Boukhiam, mas desta vez foi o surfista de Guadalupe quem levou a melhor. Gatien deixou o adversário em combinação, depois de fazer uma onda com um aéreo que foi lhe valeu 9,33 pontos (em 10 possíveis). Depois de ter vencido em Israel, e de ter feito uma ótima época, Ramzi está garantido no Challenger Series deste ano. “Estou feliz com meu esforço esta temporada”, disse Boukhiam. “Gostava de ter mostrado mais, mas o objetivo principal era qualificar-me para o Challenger Series e isso está feito”, concluiu o marroquino que soma assim uma vitória em Israel, os quartos de final na Caparica e uma meia final hoje.

 

Definidos os europeus que irão aos Challenger Series

Com esta última etapa do QS Europeu, o ranking sofreu uma reviravolta. Uns ascenderam e outros cairam. os franceses Timothee Bisso e Justin Becret conseguiram, em Santa Cruz, garantir as vagas de qualificação para o Challenger Series, a partir de maio. Apuram-se para o escalão que antecede o CT, apenas os primeiros 9 homens e 1 wildcard, que em princípio será atribuído a Vasco Ribeiro, tendo em conta a prestação na temporada de 2021 onde ficou em primeiro no ranking europeu. No entanto, há um lugar a ser ocupado por Justin Becret, apesar de se encontrar na 10º posição já que Lucas Silveira não sendo Europeu, não fica com a vaga desta região. Dado estar deslocado do seu país (Brasil), recebe uma vaga da WSL Internacional.

Confira o top10 do ranking do circuito de qualificação:

 

 

 

Para além de Vasco Ribeiro que ainda pode marcar presença nos Challenger Series, mais nenhum outro português masculino conseguiu qualificar-se. Ao contrário das mulheres da armada lusa que estão em bom número. 

Nota ainda para a vitória de Filipe Jervis na Expression Session, que antecipou a grande final. O surfista do Guincho recebeu como prémio um fim de semana na Noah Surf House. Os surfistas terão agora três semanas para se prepararem para o primeiro evento do Challenger Series, o Boost Mobile Gold Coast Pro, que decorre de 7 a 15 de maio. 

 

ESTRELLA GALICIA SANTA CRUZ PRO Final:

1 - Lucas Silveira (BRA) 12.93

2 - Gatien Delahaye (FRA) 12.83

 

ESTRELLA GALICIA SANTA CRUZ PRO Meias finais:

SF 1: Lucas Silveira (BRA) 14.16 def. Kauli Vaast (FRA) 10.84

SF 2: Gatien Delahaye (FRA) 16.16 def. Ramzi Boukhiam (MAR) 5.87

 

ESTRELLA GALICIA SANTA CRUZ PRO Quartos de final:

QF 1: Kauli Vaast (FRA) 17.10 def. Mihimana Braye (PYF) 12.27

QF 2: Lucas Silveira (BRA) 14.47 def. Charly Quivront (FRA) 9.83

QF 3: Gatien Delahaye (FRA) 13.00 def. Thomas Ledee (FRA) 7.10

QF 4: Ramzi Boukhiam (MAR) 11.73 def. Nicolas Paulet (FRA) 8.77

 

O Estrella Galicia Santa Cruz Pro presented by Noah Surf House (12-16 de abril) conta com o apoio da Estrella Galicia, Noah, MEO, Câmara Municipal de Torres Vedras, Turismo de Portugal, Turismo do centro de Portugal Millennium BCP e Hertz.

 

 

Scroll To Top