Já estão definidos os 8 atletas masculinos que vão disputar os quartos-de final em Merewether

No Rip Curl Newcastle Cup...

A Ronda de 16 masculina do Rip Curl Newcastle Cup, segunda etapa do Championship Tour (CT) e a primeira de 4 que compõem a perna Australiana do CT, realizou-se ontem em Merewether com ondas a rondar 1 metro a 1,5 metros com ventos leves offshore.

 

“Hoje parece ser o primeiro dia em que a previsão está a cooperar”, disse a vice-presidente sénior de Tours da WSL e chefe da competição, Jessi Miley-Dyer. “Como esperado, temos condições super limpas com ventos offshore e ondas a rondar 1 metro a 1,5 metros."

 

A Ronda de 16 masculina foi bastante disputada com os atletas a lutar por um lugar nos quartos-de-final do evento.

Frederico Morais terminou ontem a sua prestação no evento ao perder para o bi-campeão mundial Gabriel Medina no primeiro heat da Ronda.

 

  

Frederico Morais Foto:WSL/Dunbar

 

 

O surfista português começou melhor que o rival, colocando-se na frente do heat controlando a primeira metade da disputa, mas cometeu um pequeno erro que fez a prioridade passar para Medina. A partir daí o astro brasileiro ganhou confiança para fazer uma reta final explosiva, passando para a frente com as duas últimas ondas, já nos instantes finais. Medina somou 12,93 pontos, contra apenas 8,33 do português.

Kikas deixa assim Merewether com um 9º lugar.

Por sua vez Medina segue para os quartos-de-final onde irá disputar o primeiro heat com o seu conterrâneo Adriano de Souza.

 

 

 

Adriano de Sousa Foto:WSL/Cait

 

 

Adriano de Sousa, que compete este ano pela última vez no circuito mundial após ter anunciado o ano passado que se vai retirar das competições a tempo inteiro, derrotou o australiano Julian Wilson no segundo heat da Ronda.

O atleta brasileiro somou um total combinado de 8,40 pontos (de um total de 20 possíveis), deixando para trás o seu colega com um total de 7,10 pontos.

 

  

 

Morgan Cibilic Foto:WSL/Dunbar

 

 

Morgan Cibilic tem dado que falar na primeira etapa da perna australiana. Após eliminar o líder do ranking, John John Florence, no terceiro dia de provas, mesmo com uma lesão no pé, o rookie australiano assegurou a sua passagem aos quartos-de-final ao vencer o seu conterrâneo Wade Carmichael. Num heat bastante disputado, Cibilic levou a melhor com um total combinado de 16 pontos (de um total de 20 possíveis), o segundo melhor total combinado da Ronda contra os 10.33 de Wade Carmichael.

Cibilic prepara-se agora para enfrentar Ryan Callinan nos quartos-de-final do evento.

 

 

Ryan Caliinan Foto: WSL/Dunbar

 

 

Por sua vez Ryan Callinan derrotou o veterano do CT, Owen Wright nesta que foi a primeira etapa do CT de 2021 disputada por Owen após se ter retirado do Pipe Masters.

Callinan deixou o seu colega para trás ao vencer com um total combinado de 13,87 pontos contra os 12.07 de Owen Wright.

 

 

Ítalo Ferreira Foto:WSL/Dunbar

 

 

O atual campeão mundial, Ítalo Ferreira foi o grande destaque da Ronda de 16. O surfista brasileiro competiu no 5º heat contra o californiano Griffin Colapinto e aniquilou-o com a sua performance. Ítalo conquistou a maior pontuação para uma única onda, 8,60 pontos (de 10 pontos possíveis) e o melhor total combinado, 16,93 pontos (de 20 pontos possíveis). Por sua vez, o total de 9,83 pontos de Griffin Colapinto não lhe deu qualquer hipótese, eliminando o surfista do evento com um 9º lugar.

Ítalo segue assim em frente na busca do título de campeão da etapa preparando-se agora para enfrentar o seu conterrâneo Deivid Silva no heat 3 dos quartos-de-final.

    

 

 

Deivid Silva Foto:WSL/Miers

 

 

Deivid Silva e Kanoa Igarashi protagonizaram um grande duelo no quarto dia de provas. Num disputado 6º heat foi o brasileiro que conseguiu a passagem à fase seguinte com uma diferença de apenas 0.13 pontos com um total combinado de 11,93 pontos (de 20 pontos possíveis) contra os 11,80 pontos de Kanoa.

 

Jordy Smith também se despediu do evento ao ser eliminado pelo californiano Conner Coffin.

O surfista sul-africano ficou para trás  com um total combinado de 12,34  enquanto que Conner Coffin seguiu em frente ao conquistar 12,73 pontos (de um total de 20 possíveis).

 

 

Filipe Toledo Foto: WSL/Dunbar

 

 

No último heat da Ronda, entre os brasileiros Filipe Toledo e Yago Dora, foi Toledo quem se destacou e garantiu passagem à ronda seguinte. Com um total de 13,07 pontos contra os 9,14 de Yago Dora, Toledo avança assim aos quartos-de-final onde irá enfrentar Conner Coffin no heat 4.

 

 O evento encontra-se agora em standby e tem nova chamada hoje às 21:45 (hora de Portugal)

 


Perfil em destaque

Scroll To Top