ActivoBank
Kanoa Igarashi Foto: WSL/Poullenot Kanoa Igarashi Foto: WSL/Poullenot

Itens relacionados

segunda, 21 outubro 2019 13:58

PRESTAÇÕES EM PENICHE LEVAM KANOA IGARASHI E KOLOHE ANDINO A GARANTIR VAGA OLÍMPICA

Durante o Meo Rip Curl Pro Portugal...

O Championship Tour (CT) da World Surf League (WSL) é o principal evento de acesso às ambicionadas vagas para os Jogos Olímpicos de 2020, ano em que o surf fará a sua estreia nos emblemáticos jogos.

Com o CT na sua penúltima etapa, o Meo Rip Curl Pro, atualmente a decorrer em Peniche, permitiu ao surfista Japonês, Kanoa Igarashi e ao norte-americano, Kolohe Andino conquistarem uma vaga devido aos seus resultados na mesma. Igarashi conquistou a vaga na passada quinta-feira ao passar para a ronda três do evento, seguido de Kolohe Andino na sexta-feira, quando o surfista chegou aos oitavos de final.

 

Kolohe Andino Foto: WSL/Poullenot

Mas as vagas olímpicas conquistadas em Peniche não ficam por aqui. 

No lado feminino, a atleta brasileira Tatiana Weston-Webb ganhou a primeira vaga olímpica para o Brasil este domingo, dia 20, ao passar aos quartos-de-final do evento, no mesmo dia que a atleta francesa Johanne Defay.

 

Tatiana Weston-Webb Foto: WSL/Poullenot
Johanne Defay Foto: WSL/Poullenot

 

Kanoa Igarashi, Kolohe Andino, Tatiana Weston-Webb e Johanne Defay juntam-se agora a Jordy Smith, Stephanie Gilmore, Sally Fitzgibbons e Jeremy Flores que também ganharam as suas vagas olímpicas pelo ranking da World Surf League.

 

Perfil em destaque

Scroll To Top