Australiano Harry Bryant assina por 5 anos com uma gigante do Surf. Australiano Harry Bryant assina por 5 anos com uma gigante do Surf. Foto: DR

Itens relacionados

quarta, 02 janeiro 2019 16:33

Mexidas em 2019 - O habitual entra e sai de marcas

O mercado de inverno, a nível nacional e internacional, no mundo do surf…

 

Na época de defeso, marcada pelo final da temporada em Pipe e a viragem de ano, altura em que as marcas e atletas aproveitam para celebrar ou prolongar parcerias, ou também para efetuar dispensas e novas contratações, são várias as novidades a assinalar.

 

Depois das renovações de Tomás ValenteLucía Martiño e Maxime Huscenot na Deeply, anunciadas em dezembro pela Surftotal, eis que também Teresa Bonvalot anunciou recentemente a entrada na equipa portuguesa da Red Bull (que já contava com Vasco Ribeiro e Tiago Pires na equipa). 

 

 

Ainda no surf feminino nacional, é de recordar a entrada de Mafalda Lopes no Team Billabong no passado mês de novembro. A surfista da margem sul, de 17 anos, que foi vice-campeã europeia Sub-18 no Eurosurf, assinou por três anos. Já o longboarder António Dantas, que se sagrou campeão nacional sub-18 e europeu júnior na disciplina, ingressou para as fileiras da Country Surfboards no passado mês de dezembro

 

No sentido oposto, a Hurley libertou Mahina Maeda, ex-campeã mundial júnior e uma das guerreiras atuais do QS, enquanto Sebastian Zietz diminuiu a sua representação na Oakley - deixou de ser 100% equipado pela Oakley e passa a usar apenas óculos de sol em 2019. A parceria entre o havaiano e a marca americana já se verificava há mais de 10 anos e nem o 14.º lugar obtido na última temporada do WCT o safou de levar um corte valente no orçamento. Ouchhh! 

 

O brasileiro Caio Ibelli, que esteve grande parte do ano parado devido a lesão, também deixou saber, via Instagram, que terminou o vínculo com a Oakley depois de 15 anos. Já Michael Rodrigues, um dos rookies que surpreendeu no World Tour e que recentemente esteve envolvido em polémica face a confrontos com um atleta havaiano do WQS, também terminou a parceria de patrocínio com a Mormaii, marca que representou durante 4 anos. 

 

A demanda por free surfers parece continuar por parte de várias marcas, nomeadamente a Vans que acaba de firmar contrato de patrocínio com Harry Bryant - clica aqui para conheceres a fera. O australiano assinou por cinco temporadas, da cabeça aos pés, e abandona de vez a Rusty que representou nos últimos dois anos. 

 

Muitos dizem que Harry Bryant, de 22 anos é a resposta australiana ao havaiano Mason Ho, devido à sua forma de estar descontraída, por ser francamente atirado, brincalhão e inegavelmente talentoso. O aussie junta-se agora a Dane Reynolds, Alex Knost, Nathan Fletcher, Joel Tudor e muitos outros no Vans Team. 

 

O ano ainda agora começou. Fica atento a mais novidades. 

Perfil em destaque

Scroll To Top