Ondas vazias e sessões tranquilas por estes dias em Bali. Ondas vazias e sessões tranquilas por estes dias em Bali. Foto: Bruno Smith

Itens relacionados

domingo, 24 dezembro 2017 01:00

Bali, mais seguro que nunca

Quem o diz são os portugueses radicados na ilha...

 

Bali, a Ilha dos Deuses, tem vindo a ser atormentada por sucessivas erupções e atividade do vulcão do Monte Agung. No entanto, no passado dia 29 de novembro, o vulcão deu uma trégua e o aeroporto de Denpasar reabriu o seu espaço aéreo. Aos poucos os voos internacionais e domésticos retomaram a sua normalidade. 

 

Normalidade é a palavra a reter. Nos últimos anos, há vários portugueses que se mudaram para a ilha e iniciaram os seus negócios. Caso de Miguel Leitão que detém o Sal e o Gravity, de Bruno Smith e o seu Mondo Resort, mas também de João Patrocínio e Patrícia Curinha que acabaram de abrir o Batu, o primeiro restaurante português em Bali. 

 

 

 

João Pena Garcia, que é DJ e detém o resort Villa Mar, fez o favor de nos dar o seu testemunho, que fala de uma ilha completamente segura, sem perigo e da frenética desinformação e caos turístico criado pelos meios de comunicação: 

  

“Por causa do vulcão e especialmente dos media, Bali está a sofrer uma grande crise. Os alojamentos estão a 10-20% da capacidade, até os mais conhecidos, e tem havido muitos despedimentos. Todas as áreas têm sido afetadas. A China, por exemplo, cancelou voos até fevereiro, a Coreia e a Índia também. Os governos não deixam os seus cidadãos voar para cá. Porém, na realidade, como se sabe, o vulcão só afeta um raio de 12km e encontra-se entre 54 a 75km das zonas turísticas, mesmo que venha a expelir lava não há perigo e os ventos nesta época são de sudoeste. O surf encontra-se sem crowd, está tudo vazio. Isto está ótimo para a malta do surf. Só quero mesmo que tenham noção que continua tudo na mesma, muito tranquilo, mesmo se o vulcão voltar ao ativo... e há sempre a possibilidade de saírem via Surabaya se existir algum azar com o aeroporto ou as companhias aéreas!” 

 

Um bom exemplo do dia-a-dia pela ilha: 

 

  

Nos dias que correm, o clima de segurança e tranquilidade é tanto que, um destes dias, a equipa do Batu Bali fez até um cozido à portuguesa tendo o Monte Agung como paisagem. Ora vejam: 

 

 

Portanto, esqueçam a desinformação e aventurem-se. E não se esqueçam: Todas as épocas são boas para visitar Bali. 

 

Perfil em destaque

Scroll To Top