FILIPA CABECINHA

"A minha inspiração são todos os surfistas humildes que não desistem e fazem de uma surfada uma obra de arte"

 

 

Nome? Idade? Local?
Pipa (Filipa Cabecinha), 19 anos. Local? Vivo em Lisboa, mas surfo na Caparica.

Estudos/Profissão?
Estou a tirar Engenharia Electrotécnica no Técnico.

Anos de surf?
Faz este verão dois anos que comecei a surfar!

Quiver?
DHD 5’6 e uma Polen 5’11

Porque escolheste praticar surf?
A primeira vez que experimentei era mesmo má, e resolvi que tinha de treinar e só parar quando estivesse a surfar bem. Entretanto apaixonei-me pelo sentimento, fiquei viciada.

Praticas algum desporto complementar?
Tento ir ao ginásio quando tenho paciência mas por mim era surf todos os dias.

Pico preferido?
Baleal, mesmo em frente ao Surfcastle. O CDS e por fim a esquerda de S.Torpes com a água quentinha.

Última surfada memorável que tenhas dado?
Aqueles dias com boas ondas e com boa companhia! Um sushi depois do surf também vem sempre a calhar! Mas qualquer surfada com boas ondas é memorável!

Maior susto?
No Inverno resolvi ficar no mar apesar da bruta tempestade e acabei com o lábio aberto e cheio de sangue porque levei com a prancha na boca.

Última viagem de sonho?
Ainda não fiz nenhuma grande viagem para surfar fora do pais, mas o meu sonho era surfar a onda ‘Chicama’, quero mesmo muito lá ir.

Competição ou freesurf?
Aquilo que eu mais gosto é o conceito do Freesurf. Só tenho pena de ver surfistas a mandarem vir com tudo e todos em vez de aproveitarem o dia, o ambiente e as ondas. Mesmo assim acho que dá motivação participar em competições mas onde o pensamento principal deve ser divertirmo-nos e aproveitar o que o mar nos oferece.

Como está o surf atualmente?
O surf é neste momento um mercado que está a crescer, e que mudou a sua imagem perante a sociedade radicalmente. Temos grandes surfistas a servirem como exemplo de alguém saudável e desportista, com um ótimo estilo de vida. Porém ainda existem muitas injustiças, nomeadamente surfistas com grande potencial e talento como o Clay Marzo, entre outros, a serem “abandonados” pelos patrocínios.

Quem é a tua grande inspiração (nacional e internacional)
A minha inspiração são todos os surfistas humildes que não desistem e fazem de uma surfada uma obra de arte. Aqueles que só com uma prancha conseguem fazer magia!

Mensagem a deixar?
Quando pensas que já estás na onda, da mais uma remada.

O que tens a dizer acerca dos 13 anos da SurfTotal?
Um amigo meu mostrou-me os primeiros vídeos de surf que vi aqui, na Surftotal. Acredito que isso também contribuiu para querer evoluir no surf!! Continuem a inspirar e motivar!!

Itens relacionados

Scroll To Top