Mafalda Lopes aqui em Lacanau. Mafalda Lopes aqui em Lacanau. Masurel / WSL quarta-feira, 30 novembro 2022 08:35

Mafalda Lopes adaptou-se na perfeição às condições de Haleiwa e passou à ronda 2

No Haleiwa Challenger que começou ontem, terça feira no Hawaii

 

 Yolanda Hopkins e Francisca Veselko foram eliminadas. Teresa Bonvalot entra apenas na ronda 2.

 

Ontem 29 de Novembro, depois de 3 dias de evento suspenso devido a más condições do mar, arrancou finalmente o Haleiwa Challenger na ilha de Oahu no Havai, a última prova do ano das Challenger Series, que é como quem diz o circuito de qualificação para o Championship Tour.

A SurfTotal está a fazer o acompanhamento passo a passo deste evento, onde participam vários surfistas portugueses masculinos e femininos, e onde a surfista portuguesa Teresa Bonvalot poderá ainda vir a garantir um lugar no World Tour do próximo ano.

Ontem foi dia do round 48 feminino, e ainda do round 80 masculino, disputados em ondas de 2 metros power. Logo na primeira bateria do dia tivemos a portuguesa Mafalda Lopes a disputar um lugar no próximo round com as surfistas Keala Tomoda-Bannert do Havai, Rina Matsunaga do Japão, e Eweleiula Wong também havaiana.

Keala Tomoda-Bannert, foi a primeira a arrancar numa longa direita, não conseguindo encontrar o timming certo para aplicar manobras criticas, obtendo assim um 3.17 que não entrou para a sua contagem final.

A portuguesa Mafalda Lopes conseguiu, logo nos primeiros minutos um 4.17, através de um excelente surf de backside, com várias manobras, e cujo resultado só não foi excelente infelizmente por não ter conseguido completar um excelente off the top aplicado na manobra final.

Fruto sobretudo desta onda, Mafalda conseguiu liderar a bateria até cerca da barreira dos 17 minutos quando Keala Tomoda-Bannert toma a dianteira,com um score combinado de 6,84 (3.17 + 3.67)

 

 

 

 

 

 

É também por volta do minuto 17 que a a havaina Eweleiula Wong começa a deixar a sua marca numa direita poderosa onde executa um excelente carve na parede e um reentry arriscado no lip, obtendo uma nota sólida de 5.67, ainda assim não suficiente para destronar Mafalda da segunda posição.

Por volta da marca dos 15 minutos Mafalda volta a liderar o heat, após obter 4.33 num onda onde termina com um excelente snap de backside no lip.

Aos 9 minutos e quarenta segundos, Mafalda apanha uma das melhores ondas da bateria, iniciado o ataque com um excelente snap de backside, seguido de mais um off the top poderosíssimo na zona critica da onda, obtendo assim aquele que seria o seu melhor score, de 7 pontos.

Aos 8 minutos e 40 segundos Eweleiula Wong consegue fazer uma longa direita, com um conjunto de excelentes carves, seguido de um snap super agressivo junto ao lip, no qual deslocou “baldes” de água. A Havaiana assumiria assim a dianteira até ao final, com Mafalda Lopes a segurar o segundo posto, sem alterações nos scores de ambas até ao final.

Com esta demonstração de excelente domínio competitivo, Mafalda apurou-se assim para o round 32 onde também se encontra a sua compatriota Teresa Bonvalot.

 

Infelizmente as restantes surfistas portuguesas Francisca Veselko e Yolanda Hopkins, não tiveram a mesma sorte e ficaram pelo caminho.

 

 

 

 

Resultados Ronda 1 evento feminino:

 

Itens relacionados

Scroll To Top