Itens relacionados

terça, 28 maio 2019 05:27

Qual o estado da indústria das pranchas de surf? - Semente Surboards expressa-se

O excesso de importância das redes sociais não podem ter uma parte no nosso futuro.



O design de pranchas de surf está no seu ponto mais alto da história. Surfistas de todo o mundo estão abertos a experimentar tudo aquilo que os shapers e as marcas lancem no mercado. Sejam shapeadas à mão ou projectadas e desenhadas no computador, todos os ângulos do design de pranchas estão a ser explorados.

No geral, os surfistas não estão preocupados com as opiniões das pessoas sobre aquilo que colocam debaixo dos pés.

Para um shaper tudo isto é super positivo e abre portas à exploração e concretização de ideias que estão na sua mente. Todo o progresso no design de pranchas de surf é baseado em todos nós, surfistas e shapers, trabalhando juntos, sendo curiosos o suficiente para quebrar limites e ter a mente aberta para tentar concretizar as ideias mais ousadas.

"Para nós, Semente Surfboards, sempre foi um pêndulo, estudando a história das pranchas de surf para encontrar a lógica daquilo que funcionava e misturando-a com o design moderno para aprimorar uma teoria antiga sólida ou comprovada. Temos a sorte de ter surfistas como Gony Zubizarreta e Nicolau Von Rupp que nos têm empurrado e incomodado o suficiente para tentar algumas coisas "selvagens". E têm funcionado! Novas ideias conjugadas com a longa experiência de shape fazem magia."


As coisas mudaram, sem dúvida. Internet, sites e redes sociais fizeram deste um mundo diferente para os fabricantes de pranchas. As grandes marcas têm quase uma obrigação de introduzir novos modelos todos os anos para promover as vendas e manter as pessoas interessadas nos seus produtos.

"O nosso sentimento pessoal sobre a introdução de qualquer novo design sempre se baseou na inspiração ou na necessidade de existir um tipo diferente de prancha de surf no mercado. Seja para a geração mais antiga, groms ou pranchas de alta performance para competição, tem de haver uma razão para um novo modelo. A construção de pranchas é um tipo de arte que, e uma vez que cada uma delas é um pouco diferente, nenhum outro desporto tem essa variável ou a base da “magia” que encontramos nas pranchas de surf.



Isto não é mais do que expressarmos a nossa opinião sobre o estado actual da indústria de pranchas de surf. A nossa esperança é que todos os shapers, quer façam o seu trabalho à mão ou à máquina, se certifiquem de manterem intacto o coração e não abdicarem da mente progressiva e criativa."

 

"Todos estamos envolvidos numa indústria muito especial

em constante mudança em que o tédio e o

excesso de importância das redes sociais não podem ter uma parte no nosso futuro.
"

Perfil em destaque

Scroll To Top