A Pedra Branca, na Praia da Empa, é um dos spots que faz parte da Reserva. A Pedra Branca, na Praia da Empa, é um dos spots que faz parte da Reserva. Foto: Álvaro FR

Itens relacionados

segunda, 11 junho 2018 11:06

Plano de gestão apresentado para a Reserva Mundial de Surf da Ericeira 

Documento identifica ameaças à qualidade do surf e do ambiente na Reserva Mundial de Surf…

 

Foi no Dia Mundial dos Oceanos (8 de junho) que foi apresentado o plano de gestão para a Reserva Mundial de Surf da Ericeira, relativamente ao biénio 2018-19. O documento, que contempla 61 páginas, foi redigido pela Associação dos Amigos da Baía dos Coxos, o Ericeira Surf Clube e ainda a SOS - Salvem o Surf, em conjunto com a Câmara Municipal de Mafra. 

 

Segundo os responsáveis, o documento é resultado de muito trabalho de campo, muitos estudos, muitas reuniões, algumas com debates intensos, conjugando a enorme experiência em surf e ambiente das associações de surfistas com os meios, os especialistas e a capacidade concretizadora da CMM.

 

“Este plano de gestão é muito importante, pois identifica ameaças à qualidade do surf e do ambiente na Reserva Mundial de Surf da Ericeira e planifica as soluções para esses problemas”, refere Pedro Bicudo, da SOS - Salvem o Surf, no comunicado enviado para a redação. 

 

Na verdade, graças à popularidade crescente do Surf e ao reconhecimento internacional das ondas portuguesas, a atividade socioeconómica da Ericeira tem-se materializado no aumento do número de praticantes, na criação de escolas de surf ou no desenvolvimento dos mais variados negócios associados à modalidade, como também no próprio dinamismo do setor do turismo. 

 

Por tudo isto, faz sentido tomar medidas e assegurar que a comunidade cresce à medida que a consciência ambiental também cresce, levando as gerações do presente e do futuro a desenvolver uma comunhão harmoniosa com o mar.

 

Hélder Sousa Silva, Presidente da Câmara Municipal de Mafra, deixou a seguinte mensagem na carta de introdução ao referido documento: "O presente plano pretende contribuir para sistematizar e reforçar esta dinâmica, definindo objetivos para uma gestão sustentável da Reserva Mundial de Surf da Ericeira. Para cada objetivo foram identificadas as ameaças à sua concretização e as consequentes estratégias para mitigação, as quais integram, por sua vez, medidas que se materializam em ações, as quais serão desenvolvidas e suportadas financeiramente pelos vários parceiros, de acordo com os respetivos orçamentos anuais ou com a sua cultura e experiência de surf.”

 

A Reserva Mundial de Surf da Ericeira foi a primeira da Europa a receber tal distinção, em outubro de 2011, estendendo-se por 4 km, entre a Praia da Empa e São Lourenço. Nesse espaço podemos encontrar alguns dos mais fantásticos e intensos spots, como a Pedra Branca, Reef, Ribeira d’Ilhas, Cave, Coxos, Crazy Left e São Lourenço. 

 

Mais monitorização, regulamentação, envolvimento e atuação é o que se procura. 

Perfil em destaque

  • Rita Jorge Rita Jorge

    Conhece uma das jovens surfistas da região oeste…

Scroll To Top