Em breve Chris Bertish irá tentar superar o desafio de cruzar o Oceano Atlântico. Em breve Chris Bertish irá tentar superar o desafio de cruzar o Oceano Atlântico. Foto: DR quarta-feira, 02 novembro 2016 15:29

WATERMAN SUL-AFRICANO PREPARA TRAVESSIA DO ATLÂNTICO EM SUP

Chris Bertish é o nome a reter nesta futura proeza que recebeu o nome de The SUP Crossing… 

 

O waterman e big wave charger sul-africano Chris Bertish tem vindo a preparar-se para uma grande proeza: a travessia do Oceano Atlântico. Para tal, Bertish vai usar a sua prancha de Stand Up Paddle (SUP) naquela que será a primeira viagem a solo, de pouco mais de 7 mil quilómetros (4,500 milhas) de distância, entre Marrocos e Miami. 

 

Caso seja bem sucedido, independentemente da exposição solar a que estará sujeito, às súbitas mudanças climatéricas e correntes; o sul-africano cumprirá a proeza em 130 dias de remada em águas abertas, percorrendo cerca de 50 km por dia. 

 

Chris, que já venceu um campeonato na mítica onda de Mavericks, em 2010, em ondas que na altura foram referidas como as maiores de sempre numa competição; começou a praticar SUP há não muito tempo atrás e fê-lo com o objetivo de melhorar a forma física para a prática de surf. Com o tempo, foi levando a atividade do SUP para ondas cada vez maiores e acabou por perceber que a modalidade era bem mais versátil do que inicialmente pensara. 

 

Daí até à ideia de cruzar o Atlântico foi um tirinho e, em pouco mais de três anos, nasceu o projeto - The SUP Crossing - que, além do desafio pessoal em si, procura principalmente angariar fundos para várias associações de caridade das quais ele é embaixador. 

 

 

A parte mais difícil do desafio, como se pode adivinhar, está mais encarregue ao foro mental do que propriamente à componente fisica, apesar desta ser bem exigente. No entanto, o sul-africano não desarma e nos últimos quatro meses tem vindo a fazer treino intensivo de ginásio, a surfar muito e a percorrer entre 80 a 120 km por semana em cima do seu SUP. 

 

A partida tem lugar ainda este ano, por isso, fica atento a mais desenvolvimentos. 

 

--

Nota: A última pessoa a tentar uma façanha deste género foi Nicolas Jarossay (ver mais aqui), em abril passado, mas o francês viu-se forçado a abortar a missão 24 horas depois da partida. 

 

Itens relacionados

Scroll To Top