RESUMO DO PRIMEIRO DIA EM PIPELINE Terry Houston

Itens relacionados

segunda, 09 dezembro 2013 08:52

RESUMO DO PRIMEIRO DIA EM PIPELINE

Competição arrancou em grande estilo

 

O dia inaugural do Billabong Pipe Masters, em Memória de Andy Irons, foi rico em emoções. Ondas na ordem dos dois metros, grandes tubos, boas notas e a primeira "vítima" do poderio de Pipe: Kieren Perrow acabou por sair da competição com um ombro deslocado.

 

O último evento do ano do WCT vai decidir o campeão do mundo, as qualificações, e o vencedor do Vans Triple Crown. Mas vamos por partes.

 

O destaque do dia foi para o brasileiro Gabriel Medina. O surfista arrancou duas ondas quase perfeitas, primeiro com um 9,67, e depois um 9, numa onda onde, não satisfeito com o tubo profundo, ainda arrancou um estrondoso alley-oop! Quem acabou eliminado no heat foi o havaiano Bruce Irons.

 

"Tive sorte, consegui três bons tubos e o aéreo no final", começou por dizer Medina. "Encontrei umas esquerdas e foi um heat divertido. Sempre vi o Bruce Irons a surfar e respeito-o muito. Surfar com ele foi um sonho concretizado", finalizou Gabriel. O atleta vai agora defrontar nada mais nada menos do que John John Florence, num heat que promete.

 


Destaque também para Sebastian Zietz, atual detentor do Triple Crown, que conseguiu a primeira nota máxima (10) no Pipe Masters, com um tubo incrível. "Foi um começo de sonho", afirmou Zietz. "Fiz o drop e a bola de espuma atingiu-me, estive só num pé por um segundo, mas consegui equilibrar-me e manter a velocidade certa para ficar no tubo. Foi uma onda perfeita". Eliminado foi o australiano Ryan Callinan.

 

O australiano Mitch Crews protagonizou uma das surpresas do dia, ao eliminar, primeiro, o veterano Shane Dorian e o compatriota Matt Wilkinson. "Esta época no Havai tem sido a melhor que já tive", começou por dizer. "O Shane Dorian é o maior. Decidi que ia tentar apanhar umas ondas em Backdoor, onde habitualmente nunca consigo, por isso estou muito feliz". Na próxima ronda o surfista vai competir com... Kelly Slater.

 

Jeremy Flores também se apresentou em boa forma, com tubos em Pipeline e Backdoor que lhe valeram notas elevadas, e ultrapassou o australiano Tanner Gudauskas. "As ondas começaram a melhorar, o vento mudou e as ondas ficaram perfeitas Estava nervoso porque achei que ia querer fazer ondas a mais. E acho que ainda vai ficar melhor. É Pipe, é um sonho". Na próxima ronda Flores vai defrontar Michel Bourez.

 

Quem também ficou pelo caminho foi Ezekiel Lau, que liderava o Vans Triple Crown. O havaiano tombou aos pés de Matt Wilkinson. Quem pode lucrar com esta eliminação são Michel Bourez, Frederich Patacchia e Jeremy Flores, que ainda estão na corrida para vencer o Vans Triple Crown.


Os resultados do primeiro dia:

 

ROUND 1:
Heat 1: Patrick Gudauskas (USA) 13.66 def. Ezekiel Lau (HAW) 12.83
Heat 2: Damien Hobgood (USA) 11.27 def. Joel Centeio (HAW) 6.66
Heat 3: Alejo Muniz (BRA) 16.00 def. Marcus Hickman (HAW) 11.67
Heat 4: Kaimana Jaquias (HAW) 16.16 def. Kieren Perrow (AUS) 12.84
Heat 5: Yadin Nicol (AUS) 14.83 def. Kahea Hart (HAW) 11.44
Heat 6: Bruce Irons (HAW) 9.24 def. Raoni MOnteiro (BRA) 7.00
Heat 7: Dusty Payne (HAW) 13.73 def. Reef McIntosh (HAW) 12.84
Heat 8: Jadson Andre (BRA) 9.30 def. Olamana Eleogram (HAW) 8.17
Heat 9: Mitch Crews (AUS) 9.40 def. Shane Dorian (HAW) 7.73
Heat 10: Granger Larsen (HAW) 13.50 def. Kalani Chapman (HAW) 7.66
Heat 11: Tanner Gudauskas (USA) 12.17 def. Ricardo Dos Santos (BRA) 5.67
Heat 12: Ryan Callinan (AUS) 17.76 def. Dane Reynolds (USA) 9.77

 

ROUND 2:
Heat 1: Kaimana Jaquias (HAW) 15.67 def. Filipe Toledo (BRA) 11.30
Heat 2: Gabriel Medina (BRA) 18.67 def. Bruce Irons (HAW) 11.87
Heat 3: Sebastian Zietz (HAW) 17.83 def. Ryan Callinan (AUS) 6.06
Heat 4: Jeremy Flores (FRA) 17.20 def. Tanner Gudauskas (USA) 13.43
Heat 5: Fredrick Patacchia (HAW) 13.16 def. Granger Larsen (HAW) 6.30
Heat 6: Mitch Crews (AUS) 14.50 def. Matt Wilkinson (AUS) 10.66
Heat 7: Bede Durbidge (AUS) 14.17 def. Jadson Andre (BRA) 9.04
Heat 8: Dusty Payne (HAW) 9.00 def. Brett Simpson (USA) 7.24
Heat 9: Yadin Nicol (AUS) 7.34 def. Travis Logie (ZAF) 4.40
Heat 10: Miguel Pupo (BRA) 9.70 def. Alejo Muniz (BRA) 4.27
Heat 11: Adam Melling (AUS) 14.56 def. Damien Hobgood (USA) 4.07
Heat 12: Patrick Gudauskas (USA) 10.44 def. Kolohe Andino (USA) 8.93

 

EMPARELHAMENTO PARA O ROUND 3:
Heat 1: Taj Burrow (AUS) vs. Yadin Nicol (AUS)
Heat 2: C.J. Hobgood (USA) vs. Fredrick Patacchia (HAW)
Heat 3: Julian Wilson (AUS) vs. Patrick Gudauskas (USA)
Heat 4: Nat Young (USA) vs. Bede Durbidge (AUS)
Heat 5: John John Florence (HAW) vs. Gabriel Medina (BRA)
Heat 6: Mick Fanning (AUS) vs. Kaimana Jaquias (HAW)
Heat 7: Josh Kerr (AUS) vs. Miguel Pupo (BRA)
Heat 8: Adriano de Souza (BRA) vs. Sebastian Zietz (HAW)
Heat 9: Kelly Slater (USA) vs. Mitch Crews (AUS)
Heat 10: Kai Otton (AUS) vs. Adam Melling (AUS)
Heat 11: Michel Bourez (PYF) vs. Jeremy Flores (FRA)
Heat 12: Joel Parkinson (AUS) vs. Dusty Payne (HAW)

 

 

Perfil em destaque

Scroll To Top