Vasco Ribeiro. Vasco Ribeiro. Foto: Masurel/WSL sexta-feira, 13 novembro 2015 11:39

LAY DAY NO PRIMEIRO DIA DO HAWAIIAN PRO

As previsões não são famosas e o primeiro evento da Triple Crown pode arrancar só para a semana…

 

 

O Hawaiian Pro, QS10000 que se realiza em Haleiwa - no North Shore de Oahu, Havai - e faz parte da Vans Triple Crown of Surfing, era para ter início ontem, mas a falta de ondas adiou o início da competição. A previsão oficial para os próximos dias indica poucas ondas o que poderá favorecer uma boa parte armada local, fortemente conhecedora do pico, e também os vários “aerialists” internacionais que correm o tour mundial.

 

As direitas de Haleiwa são conhecidas pelas suas paredes e secções rápidas que muitos aproveitam para bater e sair a voar. Em condições de ondas pequenas o pico torna-se ainda mais desafiante. A organização até já fez saber que, face às condições esperadas, os truques aéreos poderão ter uma palavra a dizer este ano.

 

Por esse motivo as atenções viram-se para a Brazilian Storm e o seu recente domínio. Filipe Toledo, Adriano de Souza e Gabriel Medina, candidatos ao título mundial, juntam-se a Italo Ferreira na lista de favoritos e poderão dar cartas nas pequenas ondas de Haleiwa. No entanto, é de não esquecer o sempre favorito local John John Florence, bem como Dusty Payne, que levantou o troféu o ano passado, o norte-americano Kolohe Andino, um voador nato, e o australiano Julian Wilson, vencedor da Triple Crown em 2014.

 

 

Quanto à comitiva lusa, composta por quatro representantes, terá Tiago Pires logo na primeira bateria a competir frente a três havaianos: Granger Larsen, Kevin Sullivan e Dylan Goodale. Um pouco mais tarde, no heat 14, será a vez de Frederico Morais (na foto em cima) entrar na água com os havaianos Billy Kemper e Isaiah Moniz, bem como o brasileiro Lucas Silveira.

 

Vasco Ribeiro (no topo) e Pedro Henrique, por sua vez, só fazem a estreia na ronda 2. Vale realçar que o surfista luso-brasileiro chega ao Havai como o melhor português do ranking da Qualifying Series, ocupando neste momento o 34º lugar, e muito focado em conseguir um bom resultado.

 

Apesar das poucas ondas do momento, o período de espera do Hawaiian Pro estende-se até dia 23 de novembro, mas prevê-se que o arranque do evento tenha lugar entre segunda e terça-feira da próxima semana.

 

--

Fotografia: Ed Sloane/WSL & Laurent Masurel/WSL.

Perfil em destaque

Scroll To Top