Irons em Peniche durante aquela que foi a última prova da carreira Irons em Peniche durante aquela que foi a última prova da carreira
sábado, 02 novembro 2013 10:43

ANDY IRONS: TRÊS ANOS DE PURA SAUDADE

Cumpre-se este sábado o terceiro aniversário da morte da lenda havaiana.

Foi a 2 de novembro de 2010 que o surf perdeu tragicamente um dos seus maiores heróis. Cumpre-se este sábado o terceiro aniversário da morte de Andy Irons, que faleceu sozinho e debilitado num quarto de hotel, no Texas, enquanto esperava pelo voo que o levaria de regresso ao Havai.

Um incidente que chocou a comunidade das ondas, fazendo multiplicar por todo o globo as homenagens em seu nome. A maior delas aconteceu em Porto Rico, durante o Rip Curl The Search, prova que Andy tinha abandonado depois de falhar a primeira ronda, aparentemente, por doença. Todos os surfistas do Tour reuniram-se para um último e emocionado adeus.

Para além dos inúmeros título, fica na memória uma das mais implacáveis rivalidades do desporto mundial. Pode nunca ter ousado chegar ao estatuto de melhor de sempre, que pertence a Kelly Slater, mas, por outro lado, pode gabar-se de ter sido dos poucos que conseguiu travar, constantemente, o percurso vitorioso do careca.

Irons trocou o mar pelo céu precocemente, quando apenas tinha 32 anos. Não chegou sequer a conhecer o filho Axel, que nasceu a 8 de dezembro desse ano, curiosamente no dia do arranque do Billabong Pipe Masters, prova onde era rei e que, desde então, se realiza em sua memória.

Tricampeão mundial entre 2002 e 2004, o surfista de Kauai deixou um legado enorme no seio da modalidade e dificilmente será esquecido pelos fãs e também adversários. Muitas são já as mensagens de saudade espalhadas pelas redes sociais, que se repetem a cada ano que passa.

O último heat da carreira aconteceu em Peniche. AI foi derrotado logo na segunda ronda pelo australiano Kai Otton, vencedor este ano em Supertubos e que, no discurso da vitória, não perdeu a oportunidade de lembrar o amigo e ídolo.

Hoje Andy Irons teria 35 anos, se o destino não lhe tivesse pregado uma partida. A ele e a todos nós…

  • Créditos fotos: ASP

Perfil em destaque

Scroll To Top