Da vitória de Luke Shepardson à estreia das mulheres - O Eddie Aikau Big Wave Invitational foi histórico por vários motivos via www.khon2.com/ segunda-feira, 23 janeiro 2023 14:29

Da vitória de Luke Shepardson à estreia das mulheres - O Eddie Aikau Big Wave Invitational foi histórico por vários motivos

 Esta foi a décima edição do Eddie Aikau Big Wave Invitational. 

 

 

O Eddie Aikau Big Wave Invitational decorreu no passado domingo, dia 22 de Janeiro, e contou com vários momentos surpreendentes, o que se espera de um evento deste calibre, com toda a sua história, os surfistas icónicos que aqui competem, e, acima de tudo, as ondas imponentes de Waimea a erguer-se entre os 30 a 40 pés e a ser surfadas à remada por 40 atletas. Este evento, em homenagem Eddie Aikau, só acontece quando as condições estão à altura do venerado waterman que, em vida, enfrentava o mar no seu estado mais agreste. 

A competição tinha decorrido pela última vez em 2016, e foi vencida nesse ano por John John Florence. Este ano, Florence ficou em 2º lugar, e a vitória foi para as mãos do surfista e salva-vidas Luke Shepardson.

 

 

Luke Shepardson venceu o Eddie Aikau Big Wave Invitational sem precisar de tirar folga do trabalho

 

Natural do North Shore, Shepardson vê na sua vitória uma oportunidade de "celebrar a modalidade e celebrar Eddie Aikau". Foi "um sonho tornado realidade", mas Shepardson tem os pés assentes na terra mesmo depois de deslizar sobre os gigantes de Waimea e de atingir um título com que todos os big riders sonham. Logo após a vitória, afirma que tem que voltar ao trabalho como salva-vidas, e "garantir que todos voltam para casa em segurança". 

Na verdade, o salva-vidas de 27 anos começou a manhã a trabalhar, como faria num dia normal (com a agravante de estar a monitorar 50000 pessoas na praia e de, nesse dia, mais de 60 resgates terem sido feitos). Era um dos atletas na lista de substitutos da prova e competiu apenas depois de ter pedido autorização ao seu supervisor para se ausentar durante umas horas. Valeu a pena. 

Shepardson tinha o sonho de viver do surf "e, se isso não funcionar, tenciono ser salva-vidas". Depois desta vitória inédita, Shepardson posiciona-se de forma a poder escolher que caminho seguir.

 

 

 

 

Luke, Andrea, Ezekiel - Os nomes que marcaram o Eddie Aikau Big Wave Invitational em 2023

 

 

A vitória de Luke Shepardson foi impactante, mas não foi o único elemento que fez deste um evento histórico. Mark Healy disse que foi "o melhor dia de ondas grandes em Waimea que já vi na vida". Billy Kemper chamou-lhe "o melhor dia na história do surf". Nic Von Rupp sugere que foi "a melhor edição do evento em 40 anos". Esta foi, para além disso, a 10ª vez que o evento decorreu desde o início da sua existência. 

O dia contou com momentos comoventes que espelham bem o espírito de Eddie Aikau, como a decisão de Kelly Slater de abdicar da sua vaga no evento para permitir que Chris Owens, que nunca tinha competido neste evento, pudesse entrar.

 

 

Mas o espírito de Eddie Aikau inclui a coragem para enfrentar as gigantescas ondas de Waimea na remada, e há aí um enorme factor de risco que pode ser verificado nos inúmeros wipeouts que se viram durante o evento (os do vídeo abaixo são apenas os de Billy Kemper). O wipeout do dia foi reclamado por Keala Kennelly. 

 

 

 

Mulheres competiram pela primeira vez

 

Por falar em Keala Kennelly, também as mulheres fizeram história nesta edição do Eddie Aikau Big Wave Invitational. Esta foi a primeira vez que o evento incluiu atletas femininas - foram seis mulheres entre os quarenta atletas em prova. 

A brasileira e americana Andrea Moller entra para história como a primeira mulher a surfar uma onda no Eddie Aikau Big Wave Invitational. Fazem-lhe companhia Keala Kennelly, Justine Dupont, Emily Erickson, Makani Adric e Paige Alms. 

"O Eddie era o nosso herói", contou Kennelly. "Lembro-me de ser pequena e pensar 'quero ser assim, mas provavelmente não posso porque sou mulher". O convite, portanto, "foi uma das maiores honras da minha vida. Estar aqui com cinco das minhas irmãs, estamos a ver história a ser feita". 

 

 

Foi um dia sem igual na história do surf, cheio de emoções, onde vários surfistas puderam brilhar - incluindo Ezekiel Lau, que surfou a onda do dia. Os mais lendários, os mais desconhecidos, os mais velhos, os mais novos, os homens e as mulheres... Todos os surfistas na água mostraram bem a que vieram. 

 

Scroll To Top