Matt Meola nunca surfa em Pipeline, mas não desperdiça a oportunidade de competir no Vans Pipe Masters segunda-feira, 14 novembro 2022 10:18

Matt Meola nunca surfa em Pipeline, mas não desperdiça a oportunidade de competir no Vans Pipe Masters

O Vans Pipe Masters decorre de 8 a 20 de Dezembro.

 

 

"Pipeline é uma onda linda" - isso Matt Meola diz sem qualquer reservas. Mas o crowd, na sua opinião, não compensa. "No passado já disse que nunca voltaria a surfar Pipeline", confessa, explicando que passar horas na água para apanhar uma ou duas ondas não lhe traz felicidade.

Acrescentando a isso o facto de não ser um surfista competitivo, e mais ainda o facto de se especializar em aéreos, não em tubos, surge a pergunta: "o que raio está ele a fazer no Vans Pipe Masters?"

E o próprio Matt Meola afirmou que se não fosse a mudança de formato, não teria aceitado o convite. Mas o Vans Pipe Masters, que decorre este ano entre 8 e 20 de Dezembro, está com uma cara completamente nova. Entre os 60 surfistas, homens e mulheres, que vão competir, todos vão entrar na água pelo menos três vezes, em heats de 30 minutos. Os quatro surfistas (homens e mulheres) mais bem pontuados depois avançam para as Finais. Além disso, o evento vai pela primeira vez valorizar aéreos e outras manobras em vez de somente o tubo, como é a prática em Pipeline.

Meola não espera ganhar, nem pensa nisso. Está entusiasmado pela oportunidade de surfar Pipeline sem crowd e ser valorizado por aquilo que é a sua especialidade, e a sua postura não competitiva faz com que se foque mais nisso do que propriamente no resultado. 

Vans Pipe Masters: Competitor Profile: Matt Meola Vans
Scroll To Top