banner topf
Gabriel Medina e Lakey Peterson Gabriel Medina e Lakey Peterson WSL/Kelly Cestari
domingo, 22 setembro 2019 04:27

GABRIEL MEDINA E LAKEY PETERSON VENCEM O CT FRESH WATER PRO 2019

Medina venceu a final contra o seu compatriota Filipe Toledo

As vitórias de Lakey Peterson e Gabriel Medina na sétima etapa do circuito mundial de elite, o CT da WSL, deixam a corrida do título mundial de 2019 ao rubro, com Peterson a ascender ao 2º lugar no ranking mundial feminino e Medina para o número 1 do ranking masculino mundial.

O CT de 2019 decidirá não apenas o prestigiado título mundial, mas determinará também quem se qualificará para representar seu país na estreia olímpica do surf em Tóquio no próximo ano.

Medina venceu a final contra o seu compatriota Filipe Toledo. Gabriel que conquistou este mesmo evento o ano passado, soma agora a sua terceira vitória numa prova CT este ano de 2019 deixando antever uma real conquista do título mundial da WSL. O seu surf para a esquerda na piscina de ondas artificiais é praticamente perfeito e Gabriel provou-o ao conseguir uma onda de 9,93 pontos em 10 possíveis logo no inicio da final, tendo efetuado na onda que surfou para a direita um back up excelente de 8,93 pontos em 10 possíveis.

"Esta vitória é incrível", disse Gabriel, momentos depois de vencer. “Adoro este evento porque é uma onda muito boa e todos têm as mesmas oportunidades. Eu estava a olhar para os nomes com os quais competi na final - Filipe Toledo, Owen Wright, Griffin Colapinto, Julian Wilson - e é uma final de alto nível. Nesta onda, tudo se resume a surfar o nosso melhor. E é tão bom conseguir esta vitória contra estes surfistas incríveis. ”

Filipe Toledo (BRA) conquistou uma vez mais o segundo lugar à  imagem do ano passado. Toledo apesar de ter efetuado ondas próximas da perfeição deixou transparecer durante a final a volta da sua lesão nas Costas. O surfista de 24 anos de idade terá agora de recuperar até à próxima prova que decorrerá em França de 3 a 13 de Outubro.



Com esta vitória, Gabriel disparou para a 1ª posição do ranking mundial WSL com um total de 44.695 pontos. Desta forma o atleta Brasileiro está numa posição privilegiada para lutar pelo seu terceiro título mundial nos últimos três eventos da temporada.

"O meu objetivo aqui era conquistar o 1º lugar do ranking mundial ", disse Gabriel. “E é tão bom ter conseguido. Agora preciso manter os meus bons resultados e espero consegui-lo. ”

O Freshwater Pro marca a terceira final de Gabriel consecutiva este ano, uma estatística que mostra bem a sua consistência este ano de 2019. Gabriel lidera agora a corrida pelo título mundial antes dos três últimos eventos do ano, os quais já venceu durante a sua carreira competitiva. O Quiksilver Pro France, o Rip Curl Pro Portugal e o Billabong Pipeline Masters.

"Sinto-me confiante", disse Gabriel Medina. "Estou pronto."


Freshwater Pro pres. by Outerknown Resultados finais Masculino:


1. Gabriel Medina (BRA)
2. Filipe Toledo (BRA)
3. Owen Wright (AUS)
4. Griffin Colapinto (USA)
5. Julian Wilson (AUS)
6. Yago Dora (BRA)
7. Adrian Buchan (AUS)
8. Jordy Smith (ZAF)
 
Freshwater Pro pres. by Outerknown Resultados finais feminino:


1. Lakey Peterson (USA)
2. Johanne Defay (FRA)
3. Carissa Moore (HAW)
4. Caroline Marks (USA)
 
2019 Men’s Championship Tour Jeep Ranking após Freshwater Pro:


    1.    Gabriel Medina (BRA) - 44,695
    2.    Filipe Todelo (BRA) - 44,400
    3.    Jordy Smith (ZAF) - 40,195
    4.    Kolohe Andino (USA) - 36,505
    5.    Italo Ferreira (BRA) - 34,600
 
2019 Women’s Championship Tour Jeep Ranking após Freshwater Pro:


    1.    Carissa Moore (HAW) - 47,260
    2.    Lakey Peterson (USA) - 43,850
    3.    Sally Fitzgibbons (AUS) - 42,070
    4.    Stephanie Gilmore (AUS) - 39,810
    5.    Caroline Marks (USA) - 38,220
 
A próxima paragem do circuito de elite da WSL será o CT Quiksilver Pro e Roxy Pro France, entre 3 - 13 de Outubro de 2019.


Perfil em destaque

Scroll To Top