quarta-feira, 31 março 2021 16:52

Living Tide- os fatos de banho amigos do ambiente

Com um design exclusivo e confortável, também para as modalidades desportivas, os fatos de banho da Living Tide...

A preocupação com o meio ambiente, com a sustentabilidade do futuro do planeta são temas que, cada vez mais, nos devem preocupar. Importa arranjar soluções inovadoras que reduzam o impacto da pegada ambiental, para que, juntos, transformemos a terra num planeta melhor para as próximas gerações. 

Foi precisamente este o cuidado de Sara e Andreia, as fundadoras do Living Tide- um projeto ecofriendly, com uma linha de swimwear, uma coleção para a prática de surf e uma coleção casual para a prática de yoga. Brevemente lançarão uma coleção de boardshorts para homem, em parceria com a Org Surfboards.

Fica a conhecer mais sobre este projeto totalmente amigo do planeta.

 

 

 

Surftotal: Tu e a Andreia são as fundadoras do Projeto Living Tide. De onde surgiu esta iniciativa? Qual a vossa ligação ao mar?

Sara: Este projeto nasceu em finais de 2019, por duas amigas com o mesmo propósito de vida, preocupação com o meio ambiente e a sustentabilidade do futuro do planeta. Vivemos na Praia das Maçãs e desde pequenas que temos uma forte ligação ao mar e natureza. No ano passado, ao fazermos uma limpeza de praia, ficámos surpreendidas pela quantidade de lixo que vai aparecendo, cada vez mais, não só na nossa costa portuguesa como por todo o mundo. Isto fez-nos pensar que teríamos que fazer algo mais do que apenas limpeza de praias. Ao fazermos uma pesquisa, tivemos a noção de que as pessoas costumam comprar com regularidade fatos de banho e porque não fazê-lo reaproveitando materiais reciclados, defendo assim o nosso planeta?!? Pensámos em algo com um design exclusivo e confortável, também para as modalidades desportivas

E assim nasceu a Living Tide.

O nome surgiu de um conceito que desejamos: manter a maré viva, o oceano limpo!

 

Surftotal: O que as pessoas podem encontrar de inovador nas coleções da Living Tide?

Sara: A Living Tide não é apenas uma marca. Queremos que, acima de tudo, seja uma missão de consciência nas pessoas. Se cada um de nós mudar um pouco o comportamento em alguns cenários, com certeza resultará em algo maior e positivo para o nosso planeta e gerações futuras. A forma como nos posicionamos no mercado e o nosso conceito identifica-se muito com slow fashion (alternativa sustentável à moda globalizada). De slow fashion podemos subtrair alguns conceitos como fair trade: trabalhar com fornecedores, distribuidores, ateliers e distribuidores de média dimensão, que atendem a valores básicos para nós, como trabalhar num mercado justo, com stocks médios, evitando a produção em massa e o desperdício e, também, reduzindo a pegada ambiental. Pretendemos o respeito por todos os direitos humanos, como uma remuneração digna.

Posicionamo-nos, assim, num mercado com um ciclo equilibrado entre procura-oferta. 

 

"Cada modelo de fato de banho está associado a um fator/problema ambiental num determinado local, para que as pessoas tenham conhecimento e fiquem consciencializadas do que está a acontecer ao nosso planeta."

 

Surftotal: Como é o processo de produçao dos produtos?

Sara: Os nossos fatos de banho são feitos com ECOLYCRA. Esse processo inicia-se através da recolha de lixo dos oceanos: redes de pesca, garrafas de plástico, etc. Esse material é transformado em fios de nylon e poliéster reciclado. A composição de elastano é uma preocupação, pelo que andamos sempre a pesquisar novas alternativas para utilizar o menos possível este material.

Todos os tecidos são feitos em Portugal e a confeção é feita por costureiras, num atelier em Lisboa. As etiquetas, embalagens e os cartões de agradecimento são ecofriendly: o cartão é feito de sementes de plantas que o cliente poderá plantar. Esta é uma forma de retribuir à natureza. Todos os moldes e criação de padrões exclusivos são criados por nós com ajuda de uma equipa de design.

A nossa abordagem no mercado, neste momento, tem como destino um público alvo feminino entre os 14-40 anos. Para esse efeito, escolhemos modelos que se identificam com o nosso conceito e elas próprias sejam uma referência, sem criar um estereotipo de beleza.

Como somos ligadas à prática desportiva, faz, para nós, todo o sentido apoiar atletas e, neste momento, estamos a patrocinar uma surfista profissional a nível nacional /internacional, a Yolanda Hopskins.

Para além da nossa linha swimwear, criámos uma linha para a prática de surf e uma coleção casual para a prática de yoga. Vamos lançar brevemente uma coleção de boardshorts para homem, em parceria com a Org Surfboards.

 

 

Surftotal:De que forma a Living Tide ajuda na reduçao da pegada ambiental e como é que as pessoas estarão a ajudar também ao consumirem os vossos produtos?

Sara: Porque faz sentido contribuirmos para o futuro do planeta, uma percentagem da venda dos nossos produtos será doada a duas organizações: a nível nacional, a Spea e, internacional, a Oceana. 

 

 

 

Podes saber mais nas redes sociais Instagram e Facebook: Livingtide_swimwear 

Ou no site oficial

Itens relacionados

Perfil em destaque

Scroll To Top