João Pinho, 12 anos, Praia do Guincho. João Pinho, 12 anos, Praia do Guincho. Foto: Caparica Waves

Itens relacionados

sexta, 20 julho 2018 16:40

João Roque de Pinho

Conhece um dos jovens surfistas cascalenses… 

 

Da Praia de Carcavelos rumámos ao Guincho para revelar mais um talento do surf nacional. Trata-se de João Pinho, um dos surfistas que tem vindo a demonstrar uma margem de progressão enorme.

Fica a conhecê-lo melhor. 

 

Nome? 

João Roque de Pinho.

 

Idade?

12 anos.

 

Praia local? 

Guincho. 

 

Estudos?  

Passei agora para o 8.º ano de escolaridade.

 

Anos de surf?  

Dois anos e meio.

 

Quiver? 

Matta Shapes, duas 5’3” e uma 5’2,5” Smart Tech.

 

“Hoje em dia não consigo viver sem o surf"

 

 

Porque escolheste praticar surf? 

No início era piloto de motocross e até cheguei a correr em circuitos, mas depois tive uma queda grande e o meu pai decidiu acabar com as motas e pôr-me a fazer surf. Quando comecei não gostava nada, mas o meu pai insistiu e eu comecei a surfar mais e desde então nunca mais parei. Hoje não consigo viver sem o surf.

 

Pico preferido?

Chickens, Maldivas.

 

Última surfada memorável? 

Foi agora na última viagem que fiz com o meu treinador e os meus amigos às Maldivas. Uma matinal com muito sol e com 1,5m completamente glass em Chickens. Estava incrível e todos a curtir.

 

Maior susto? 

Na Praia grande com o António Silva. Eu não tinha muita experiência, estava 1,5m pesado e eu levei com duas ondas seguidas na cabeça e fiquei muito tempo debaixo de água sem respirar. Foi mesmo um grande susto.

 

“[na competição] Adoro sentir aquele bicho da pressão”

 

 

Última viagem de sonho? 

Maldivas este ano.

 

Competição ou free surf?  

Competição. Adoro sentir aquele bicho da pressão, mas também adoro free surf e de me divertir com os meus amigos. 

 

A tua frase favorita?

É muito difícil ganhar a uma pessoa que nunca desiste. 

 

O melhor conselho que já recebeste? 

Ser sempre humilde, nunca desistir e tornar sempre os meu sonhos em objetivos.

 

Se fosses um animal, qual seria? 

Um leão, por ser forte e o Rei da selva.

 

“(…) nunca desistir e tornar sempre os meu sonhos em objetivos”

 

 

Como está o surf atualmente? 

O surf está a evoluir cada vez mais rápido. Hoje em dia já existem piscinas de ondas artificiais. Já podemos acompanhar os campeonatos mundiais pela internet e até já podemos ver as previsões do mar pelas webcams.

 

Quem é a tua grande inspiração nacional e internacional? 

Nacional é, sem duvida, o Kikas, e Internacional é o Clay Marzo.

 

Se não fosses surfista o que serias? 

Piloto de Motocross.

 

Mensagem a deixar? 

Aproveitem bem cada minuto da vossa surfada, respeitem sempre os outros na água e sempre que forem à praia, recolham três pedaços de lixo plástico #Take3ForTheSea.

 

-- 

Nota: Imagens de arquivo pessoal. 

Perfil em destaque

vimeo

 

 

Scroll To Top