Itens relacionados

quinta-feira, 27 junho 2013 00:00

COMO PREPARAR UMA SURFTRIP SEGURA?

Depois das rubricas “A saúde do (no) surf” e “Lesões nos surfistas de alta competição” a 3ª rubrica da Surfisio acaba de chegar à redação da SurfTotal, desta vez com o tema: “Como preparar uma SurfTrip segura”.

Estamos no início do Verão, e sendo a altura de férias por excelência, muitos surfistas optam por viajar para procurar destinos de surf. E mesmo que fiques apenas pela Europa, ou pelas belas ondas da nossa costa, a preparação da tua viagem é essencial. Seja cá dentro ou lá fora, há alguns aspetos que nunca deves esquecer, para que a tua viagem de sonho não se transforme num autêntico pesadelo! Até já escolheste o destino da tua surftrip, mas estarás realmente preparado para ela?

Se queres tornar a tua surftrip, não só num momento de diversão com os amigos, mas numa oportunidade para evoluíres no teu surf e aproveitá-la da melhor maneira, fica com estas dicas.

Prepara-te antes de viajar!

Estás realmente em forma para enfrentar o tipo de ondas que vais apanhar?

Se a tua surftrip vais ter mais de 7dias e até vais para um destino exótico tipo Maldivas ou Indonésia, para além da indispensável consulta do viajante onde podes ouvir bons conselhos e prevenir-te contra algumas doenças através das vacinas adequadas (febre tifoide, amarela, malária, japonesa, etc...), talvez seja boa ideia pensares em iniciar (se não o fazes) um programa de treino específico de exercícios de ginásio (para além das surfadas) com pelo menos 2 meses de antecedência, para ganhares ritmo para as surfadas diárias que te esperam. 1

 

Sabes tudo acerca do local para onde vais?

Sabes com certeza onde estão as melhores ondas desse local, mas conheces realmente a região?

Mesmo que vás só até Peniche ou Costa Vicentina, convém informares-te previamente dos locais onde existe água potável, comida e até cuidados de saúde, para alguma ocorrência mais séria.

Em locais mais remotos ou com muita humidade, calor e insectos, lembra-te que deves evitar comer alimentos frescos sem os lavares previamente, e cuidado com o gelo nas bebidas, que também te pode forçar a passares mais tempo no WC do que a surfar...

 

Tens o teu kit de 1ºs socorros?

O teu kit de 1ºs socorros deve ser "pessoal e transmissível". Pessoal porque deve conter tudo o que tu possas precisar, mas transmissível porque deve ser em quantidade suficiente para ajudares um amigo mais “esquecido” que não tenha levado o seu kit completo.

Para além dos medicamentos que possas tomar regularmente (doentes asmáticos, diabéticos, etc...) poderás incluir também:

- Amoxicilina2 - para infeções com amigdalites, otites, infeções urinárias

- Loperamida (Imodium)2 – para regular o transito intestinal

- Analgésicos – dores de dentes, cabeça, etc...

- Soro fisiológico, compressas esterilizadas, ligaduras/gaze – desinfectar pequenas feridas

- Repelente – para afastar a bicharada voadora

 

Cuidados extra

Contactos pessoais em caso de acidente – informa previamente os teus amigos de quem devem contactar no caso de teres algum problema que te impeça de comunicares.

Seguro viagem/ saúde/ assistência médica – se vais viajar na Europa, à partida o teu seguro de saúde deve chegar, mas se vais para mais longe, talvez seja boa ideia fazeres um seguro de viagem que te dará acesso a melhores cuidados de saúde caso algo aconteça.

Exposição solar – protetores solares que duram surfadas de 4h são são um mito! Ah mas o mue protetor solar é FPS 50! Ok, óptimo, então tens proteção garantida por 4h... se não te molhares! É que o índice de proteção é na razão de 10FPS=50min proteção, por isso convém “retocares a maquilhagem” pelo menos a cada 1h30!3E mesmo que a água seja quente considera usar umalycra para te proteger do sol que te vai torrar as costas durante a remada para o pico.

Botinhas – surfar de botas pode ser mesmo incomodativo, ainda por cima se for em água quente. Mas se vais surfar em zonas com corais, talvez seja melhor usares umas, do que correres o risco de ficares de fora d água durante uns dias até curares um eventual corte coral...

Alimentação equilibrada – nem sempre é fácil arranjar boa comida em locais distantes, mas faz um esforço por te preparares nesse sentido, para que não passes fome e estejas sempre com energia para a surfada seguinte. Evita álcool e alimentos muitos condimentados ou gordurosos, que só te vão atrasar a digestão e tornar-te “mais lento”.

Rotinas (horas sono/diversão/aquecimento&alongamentos) – uma surftrip com amigos é algo que fica sempre na memória. Mas tentem definir rotinas para estarem sempre na máxima força para a surfada e para aproveitarem tudo! Não te do aquecimento antes de cada surfada e de alongaaaaar muito bem, pelo menos ao final do dia.

 

Prepara bem a tua surftrip, para aproveitares cada minuto com segurança!

SURFISIO – “WeDropThePain!”:

1- Para treinos personalizados fala connosco!

2- Consulta o teu médico para prescrição adequada

3- A Surfisio recomenda os produtos da Seventy-OnePercentò, específicos para em surfistas e condições de exposição solar extremas (sol e neve).

Perfil em destaque

vimeo

 

 

Scroll To Top