Itens relacionados

sexta, 24 fevereiro 2017 15:35

FLASHBACK: GLIDING BARNACLES 2016

Recorda um dos eventos do ano passado pela Figueira da Foz… 

 

A Figueira da Foz testemunhou pelo terceiro ano consecutivo algo mágico e excitante. O advento repete-se na alvorada de setembro marcando o encerramento da época veraneia e inaugurando o período fértil de vagas que grassam a nossa costa com fulgor e determinação.   

 

Quando os mais incautos se preparam desanimadamente para voltar ao trabalho, na ressaca de época de festas e festivais, porém bronzeados, eis que surge o "Gliding Barnacles" para relembrá-los que celebração é quando a quisermos, bastando que para isso haja boa razão.

 

Um país à beira-mar plantado pode e deve celebrar tão feliz circunstância, e, na essência, é a isso que o Gliding Barnacles se propõe: celebrar o mar, o sol e as ondas, três produtos genuinamente portugueses, tão fortemente enraizados em memórias pessoais e coletivas. 

 

Como não há festa sem expressões artísticas, concertos e exposições abundam na antiga garagem Auto Peninsular na Figueira da Foz, cujos áureos anos de atividade nos remetem para as décadas de 60 e 70, que coincidem com os anos dourados do surf, hoje reavivados no formato do longboard clássico, modalidade de eleição de organizadores e convidados do "Gliding Barnacles".

 

 

É neste contexto que a praia do Cabedelo ganha vida exuberante, mas cada vez menos inusitada, na presença de longas e coloridas pranchas de surf, devidamente doutrinadas por equilibristas que dançam em cima das mesmas ao sabor das vagas e de aplausos e encorajamentos de um público que preguiça em poltronas e sofás caprichosamente colocados no pontão/anfiteatro. 

 

Como nas edições anteriores, o oceano prontamente saúda tão ilustres convidados com dignas sessões de ondulação, convidando ao reencontro no próximo ano. Junte-se ainda a irreverência de concertos de rock num palco montado em plena praia e o espetáculo está garantido. 

 

De resto, tão interessante como observar a crescente adesão de Figueirenses, num evento que pretende reaproximar a cidade ao mar e desmistificar o estilo de vida dos surfistas, é reparar no crescente número de fartas cabeleiras loiras atraídas de vários cantos do mundo, bem como de "nuestros hermanos" na busca de novidade, diversão e boas ondas. Este pacote não é ingénuo e inclui iniciação à cultura portuguesa e a certeza de que os visados se tornarão, por vontade própria, embaixadores do Gliding Barnacles e por sua vez da Figueira da Foz.

 

Celebre-se a vida, celebre-se o mar, o sol as ondas! O verão tem mais uma semana na Figueira da Foz. Até para o ano (este ano) Gliding Barnacles! 

 

Texto de Bruno Tavares // Fotografia de Zé Pedro Alvarez, Miguel Carvalho, João Belém, Ricardo Gonçalves, Zé Albergaria, Mauro Motty, Bruno Pires, João Barbosa & André Carvalho. 

Perfil em destaque

Scroll To Top