Forte S. Miguel Arcanjo registou 250 mil visitas em dois anos. Forte S. Miguel Arcanjo registou 250 mil visitas em dois anos. Foto: Pedro Agostinho Cruz

Itens relacionados

segunda, 02 janeiro 2017 16:37

MOVIDOS PELO SURF, 250 MIL VISITAM FORTE DA NAZARÉ

O sucesso do Surf de ondas grandes deu um grande empurrão ao sucesso do espaço...

 

O Forte de S. Miguel Arcanjo, aberto ao público desde 2015, durante todo o ano, recebeu mais de 250 mil visitantes nos últimos dois anos. Este é mais um bom exemplo de como o Surf pode (e deve) ajudar a economia local, a sociedade e o turismo em geral. Não duvidem, parte do seu sucesso advém, obviamente do Surf. 

 

Juntamente com as ondas da Praia do Norte, o Forte da Nazaré tem sido um forte atrativo para a deslocação de mais turistas e visitantes ao Sítio da Nazaré. 

 

É nele que se encontram várias exposições históricas e documentais, como “O Forte de S. Miguel Arcanjo: Guardião da Memória”, e fotográfica “Praia do Norte”, e ainda outras temporárias que servem para apresentar os trabalhos de artistas da região. 

 

Contudo, é também no Forte que podemos ver outros atrativos que se prendem mais com a mente dos surfistas, como o Centro Interpretativo do Canhão da Nazaré, que surgiu de uma parceria entre a Câmara Municipal e o Instituto Hidrográfico, e a tão recentemente badalada Surfer Wall

 

A primeira exposição, inaugurada em 2015, está presente no local com vários conteúdos, como uma maquete 3D do canhão e informação sobre o submarino alemão U-963, afundado no final da 2ª Guerra Mundial ao largo da Nazaré. Já a segunda, a Surfer Wall, é um espaço museológico onde os big wave surfers internacionais que têm oportunidade de cruzar as águas da Nazaré expõem as pranchas com que enfrentaram as grandes ondas da Praia do Norte. 

 

Recentemente, vimos também a World Surf League tomar conta do espaço devido à realização do Nazaré Challenge, a primeira prova válida para o Big Wave Tour que se revelou uma jornada bem proveitosa, mostrando em pleno o potencial das suas ondas. Um desafio difícil de esquecer... 

 

Entretanto, o espaço encerrou no passado dia 31 de dezembro e reabre a 28 de janeiro de 2017 com novos conteúdos e temas. Portanto, se um destes estiveres pela Nazaré, para ver uma sessão em ondas grandes, não hesites e aproveita para fazer uma visita.

 

O custo de entrada é de 1 euro por pessoa (gratuita em crianças até aos 10 anos). 

Perfil em destaque

  • Mariana Garcia  Mariana Garcia 

    Tem 17 anos, muito talento e acaba de fazer uma final na Liga Nacional de Surf… 

Scroll To Top