Euforia na chegada de Kikas a Lisboa. Euforia na chegada de Kikas a Lisboa. Foto: WSL

Itens relacionados

quinta, 22 dezembro 2016 09:26

CENTENAS ESPERARAM KIKAS ONTEM À NOITE NO AEROPORTO DE LISBOA

Surfista português garantiu aos microfones que vai dar o seu melhor no circuito mundial… 

 

Frederico Morais, que recentemente garantiu a entrada no circuito mundial, prometeu, ontem à noite, à chegada ao Aeroporto da Portela (agora Aeroporto Humberto Delgado), dar o seu melhor surf em 2017, salientando a todos os presentes que irá começar do zero a nova etapa da carreira entre a elite mundial.

 

"Sei que vai ser um ano difícil, mas eu gosto de desafios e vou dar o meu melhor. Sei bem o que tenho de fazer e onde tenho que melhorar para evoluir. Vou começar do zero. A minha fase do WQS já posso tirar da lista e focar-me no World Tour. Quero começar 2017 com os pés bem assentes e voltar à luta ao mais alto nível", começou por dizer Kikas que agora também faz parte da divisão máxima do surf mundial.

 

Na chegada ao aeroporto de Lisboa, Kikas foi recebido de forma eufórica pelos vários fãs e amigos, bem como de familiares, incluindo o pai e a mãe que tiveram um papel preponderante no seu trajeto no surf, deixando uma palavra de agradecimento para os que o sempre acompanharam e proporcionaram uma motivação extra.

 

"Chegar aqui e ter as pessoas do meu lado a apoiar, a berrar, a vibraram tanto ou mais que eu é incrível. Deixa-me com lágrimas nos olhos e é um momento único. As pessoas têm vibrado comigo e isso foi uma ajuda extra, que me deu mais vontade de alcançar este sonho que posso partilhar com todos", começou por dizer, para logo de seguida acrescentar que "Não é fácil exprimir o que sinto pelo que consegui. Não tenho palavras para agradecer a todos, sem exceções, os que mais próximo ou mais longe me apoiaram e incentivaram para o cumprimento deste objetivo. Agora é altura de descansar um pouco em casa e recomeçar a treinar. Porque para o ano há mais!"

 

O português sublinhou ainda que nunca deixou de acreditar que poderia estar entre os melhores surfistas do mundo: "Eu sabia que ia entrar. Se não fosse este ano seria no próximo, porque não ia desistir. Foi sempre um sonho e sempre me ensinaram, na minha família, a nunca desistir e continuar sempre a lutar doa o que doer."

 

Relativamente à próxima temporada, Frederico Morais traçou alguns objetivos mas assegurou também que continuará a competir em algumas provas do circuito de qualificação.

 

"Quero estar na Austrália no final de janeiro ou no início de fevereiro. Vou continuar a fazer o circuito de qualificação para me preparar. Sei que vou começar tudo de novo outra vez", explicou à massa de jornalistas presentes na Portela.

 

A terminar, em resposta a uma questão colocada pela Surftotal, Frederico revelou que surfar em 2017 na etapa portuguesa, em Peniche, terá um sabor muito especial, mas não escondeu que a prova em que mais ambiciona por competir é a da África do Sul. “Em Peniche é muito especial por ser um atleta da casa, mas a etapa de Jeffreys Bay, na África do Sul, terá as ondas que melhor se adequam ao meu surf e por isso não escondo que será a prova onde mais desejo competir na próxima temporada”.

 

No regresso a casa do atleta luso foram centenas de pessoas que aguardaram impacientemente a chegada do português no Aeroporto de Lisboa. Kikas vai agora passar o Natal e o fim de ano com a família, a fim de recuperar energias depois de uma intensa perna final do 'QS no Havai, mas assegurou também que já se encontra a a preparar a próxima temporada e que vai dar o seu melhor no circuito mundial. 

 

Nós acreditamos que sim e estamos confiantes que nos dará muitos bons momentos no futuro. #GoKikas

 

>> LÊ TUDO SOBRE A CARREIRA DE FREDERICO MORAIS AQUI.  

 

Perfil em destaque

Scroll To Top