Teresa Bonvalot a competir no 2.º dia do Port Stephens Toyota NSW Pro. Teresa Bonvalot a competir no 2.º dia do Port Stephens Toyota NSW Pro. Foto: WSL/Bennett

Itens relacionados

sexta, 03 novembro 2017 11:17

Teresa Bonvalot soma e segue no QS6,000 de Port Stephens

 

Surfista portuguesa já está no Round 6 do evento australiano… 

 

Depois de ter feito a estreia e vencido o seu primeiro confronto no Port Stephens Toyota NSW Pro, ontem, no Round 3, eis que hoje Teresa Bonvalot voltou a mostrar-se em grande forma para vencer duas baterias de rajada. A surfista portuguesa já está no Round 6 do evento australiano

 

Não foram favas contadas, mas, no Heat 1 do Round 4, Teresa Bonvalot superou a concorrência com um domínio quase imperial. Com notas altas de 8.83 e 7.70 (16.53), Bonvalot fechou as contas do heat e arrecadou o primeiro lugar, deixando a espanhola Garazi Sanchez-Ortun na segunda posição, com 14.57 pontos. A grande favorita, Chelsea Tuach, dos Barbados, ficou a precisar de 7.44 para dar a volta à tortilha e acabou afastada em 3.º lugar. 

 

 

Na fase seguinte, Round 5, novamente no Heat 1, agora disputado a três, Teresa alcançou cedo a liderança na bateria, com 6.33 e 4.50 pontos, mas foi apenas na sua última onda (5.40) que conseguiu substituir o “backup” e assim aumentar a distância para a australiana Felicity Palmateer, segunda classificada no heat. Já a sul-africana Sarah Baum disse adeus à competição ao ficar em terceiro lugar. 

 

- Holly Wawn. Foto: WSL/Smith

 

Com um desempenho notável, Teresa Bonvalot, a campeã europeia Pro Junior da WSL, já se encontra na ronda 6, à porta dos 1/4 de final da etapa australiana. Para já sabe-se que irá competir, uma vez mais, no Heat 1, mas as suas adversárias ainda não são conhecidas uma vez que ainda estão por terminar seis baterias da fase anterior. 

 

 

Neste segundo dia de prova as ondas mostraram-se de feição, entre 1 a 1,5 metros, em condições “clean”, por vezes com offshore. Holly Wawn, da Austrália, a atleta portuguesa e a norte-americana Sage Erickson registaram os scores mais altos do dia - 17.50, 16.53 e 16.43, respetivamente.

 

 

- Condições de gala no segundo dia de prova. Foto: WSL/Smith

 

Por sua vez, a nota mais alta do dia foi para Bronte Macaulay (Austrália), 9.07 pontos, com Teresa Bonvalot (ex aequo com Holly Wawn) a conquistar novamente relevo ao assinalar a segunda mais alta: 8.83 pontos. 

 

O Port Stephens Toyota NSW Pro tem lugar em Birubi Beach (Nova Gales do Sul) até 5 de novembro. A prova é a 40.ª e a última etapa do WQS feminino da presente temporada que, face à categoria QS6,000 e aos 6 mil pontos que põe em disputa, tem definitivamente uma palavra a dizer nas contas finais do ranking. 

 

Fica sintonizado para mais novidades.  

 

- Sage Erickson. Foto: WSL/Smith

Perfil em destaque

Scroll To Top