Kanoa Igarashi venceu a prova em 2016. Kanoa Igarashi venceu a prova em 2016. Foto: WSL/Smorigo

Itens relacionados

terça, 26 setembro 2017 14:18

Maresias confirma evento de categoria QS3,000 

Prova tem lugar entre 1 a 5 de novembro… 

 

Depois de uma longa incerteza, desde o início do ano, o Hang Loose São Sebastião Pro, 51.ª etapa masculina da Qualifying Series, acaba de ficar confirmado no calendário anual da World Surf League. 

 

A prova tem lugar nos dias 1 a 5 de novembro, na Praia de Maresias, litoral norte de São Paulo, Brasil. O evento terá status QS3,000 e oferecerá a última oportunidade de somar pontos no ranking mundial de qualificação antes da Tríplice Coroa Havaiana, que fecha a temporada da WSL no Havai. 

 

Esta é a terceira vez que a Hang Loose promove uma etapa mundial na praia mais badalada do litoral paulista. Em 1999 e no ano 2000, realizou o tradicional Hang Loose Pro Contest em São Sebastião e Peterson Rosa e Christiano Spirro, respetivamente, foram os campeões daquelas provas com nível de 4 estrelas na época. 

 

Depois, realizaram-se mais quatro campeonatos e os últimos deles foram em 2014 e 2015, vencidas por essa ordem por Filipe Toledo e Miguel Pupo, que reside em Maresias, assim como o campeão mundial Gabriel Medina. Em 2016, não foi realizada nenhuma etapa no estado de São Paulo, que regressa agora em 2017 com um evento QS3,000. 

 

O norte-americano Kanoa Igarashi venceu em 2016, mas a prova teve lugar na praia da Joaquina, em Florianópolis, Santa Catarina. 

 

Vale sublinhar que só esta temporada já foram realizadas três etapas do QS na América do Sul, QS1,500 Rip Curl Pro Argentina (venceu o brasileiro Thiago Camarão), QS1,000 Rip Curl Pro San Bartolo Peru (venceu o peruano Miguel Tudela) e QS3,000 Maui and Sons Arica Pro Tour Chile (venceu o peruano Tomás Tudela); e que a etapa de Maresias, juntamente à da Bahia (QS1,500), que acontece antes (26 a 29 de outubro), vão ser de extrema importância na definição do ranking sul-americano da WSL que neste momento é liderado por Thiago Camarão. 

 

O campeão sul-americano da WSL em 2016 foi o argentino Leandro Usuna. 

Perfil em destaque

Scroll To Top