© WSL © WSL

Itens relacionados

segunda, 19 junho 2017 06:00

Alex Ribeiro e Zoe McDougall vencem QS em Durban

Vasco Ribeiro foi o melhor português em prova, seguindo até à Ronda 6.

Apesar das condições difíceis em New Pier, no litoral de Durban, África do Sul, com vagas de meio metro partidas pelo vento, o brasileiro Alex Ribeiro e a havaiana Zoe McDougall foram os surfistas mais consistente da 2017 Volkswagen SA Open of Surfing e ambos acabaram por vencer as respectivas divisões.

Na categoria QS 3000 Open masculino, e batendo-se na final com o compatriota Hizunome Bettero, Alex Ribeiro tirou o máximo proveito a melhor formação das esquerdas junto ao pontão para somar um total de 15.67 pontos contra os 11.57 de Bettero.

A prova sul-africana, assinale-se, foi toda ela dominada pela turma brasileira presente em New Pier. À passagem para a ronda 4 do campeonato contabilizava-se 26 atletas canarinhos ainda em prova, sendo que três deles chegaram mesmo às meias-finais da prova.

Na Ronda 6, Alex Ribeiro, agora 12º classificado do ranking QS Internacional, chegou a bater-se contra o português Vasco Ribeiro, o melhor surfista nacional nesta prova. Nesse heat, Vasco Ribeiro ficou-se pela 4ª posição, com 8.10 pontos, enquanto o brasileiro seguiu em frente no topo da bateria. No que ao guerreiro lusitano diz respeito, encontra-se nesta altura na 34ª posição do ranking internacional da Qualifying Series.

Na divisão QS 1000 Open feminino, a havaiana Zoe McDougall superou as adversárias com um total de 12.74 pontos na derradeira bateria, à frente das australianas Lucy Callister e Sophia Fulton e da basca Ariana Ochoa. O ranking QS Internacional feminino é nesta altura liderado pela francesa Johanne Defay

A próxima competição a valer 3000 pontos para a divisão secundária da World Surfing League, e neste caso circunscrita ao Open masculino, disputa-se em Arica, no Chile, entre 17 e 23 de Julho, no Maui and Sons Arica Pro Tour, cujo campeão em título é o francês William Aliotti.


Perfil em destaque

Scroll To Top