Itens relacionados

segunda, 15 maio 2017 08:41

Afinal não era uma lula gigante, mas um cachalote 

Fica a rectificação de uma notícia da passada semana… 

 

 

Na passada quinta-feira à noite a Surftotal noticiou a descoberta de um lula gigante que deu à costa na vila costeira de Kabupaten do Distrito de Seram Ocidental, nas Ilhas Maluku, Indonésia. 

 

Na altura o animal foi referido como sendo uma lula gigante de 15 metros de comprimento e 35 toneladas de peso. No entanto, durante o fim de semana, as autoridades oficiais revelaram que, afinal, não se tratava de uma lula mas antes de um cachalote. 

 

Esta conclusão, que vai no sentido contrário da inicialmente prevista, foi encontrada após uma minuciosa inspeção das entidades competentes. Nasrun, que trabalha para o Ministério das Pescas e Assuntos Marinhos em Seram Ocidental, revelou que “é uma espécie de cachalote”

 

Os habitantes insistiram inicialmente na tese da lula gigante simplesmente porque partes do seu corpo pareciam verdadeiros tentáculos, mas na verdade era já o corpo em decomposição que ajudou a criar essa ilusão. 

 

“Normalmente, os intestinos emergem após alguns dias de decomposição e podem dar o aspeto de tentáculos de uma lula,” adiantou Nasrun sobre o animal que, quando foi encontrado, já se encontrava morto há cerca de sete dias, 

 

Um aspeto importante, também salientado por Nasrun, é que as Ilhas Maluku fazem parte da rota migratória das baleias para o Oceano Pacífico. 

 

Fica então a rectificação. 

Perfil em destaque

Scroll To Top