Itens relacionados

quinta, 16 março 2017 12:15

Lesão no joelho levanta dúvidas sobre continuidade de Gabriel Medina no Quik Pro

Atleta brasileiro saiu da praia carregado em braços...

 

Tal como a Surftotal comunicou hoje bem cedinho (aqui), Gabriel Medina lesionou-se no joelho quando competia na sua bateria da ronda 1 do Quik Pro, a primeira etapa do World Tour 2017. O brasileiro dominou o heat 4 em Snapper Rocks, afastando o compatriota Wiggolly Dantas e o havaiano Ezekiel Lau, mas acabou por sair da água com dores. 

 

A lesão terá ocorrido quando este tentou um "alley oop”, altíssimo, que não conseguiu completar. Nesse movimento brusco e rápido, quando tentava aterrar, o brasileiro torceu o joelho e sentiu uma dor. Mesmo assim continuou a competir e arrancou um 7.83 para selar de vez o resultado final (ao qual juntou 8.67 pontos). 

 

Mais tarde, Gabi percorreu a areia até à estrutura meio que combalido da perna e acabou por não dar qualquer entrevista pós-heat. Foi visto no momento pela equipa médica da WSL, que diagnosticou um leve entorse no joelho mas acabou por dar luz verde para que o atleta continue a competir na Gold Coast. 

 

Medina fez gelo durante algum tempo e acabou por deixar o local a ser carregado em braços (ver imagem em cima). Mesmo assim, fontes referem que se sentiu bastante melhor após a aplicação do gelo e existe mesmo a esperança de continuar a competir na prova australiana. 

 

O tira-teimas, sobre a sua continuidade ou não no evento, será mais logo. Entretanto, revê o momento da lesão: 

 

Perfil em destaque

  • Francisco Pinto Francisco Pinto

    Diretamente do Magoito para o Perfil da Semana na Surftotal… 

Scroll To Top