Todo o cuidado é pouco a surfar nas águas da Florida. Todo o cuidado é pouco a surfar nas águas da Florida. Foto: Kem McNair

Itens relacionados

quarta, 08 fevereiro 2017 11:52

ESTUDO REVELA QUE A FLORIDA É A CAPITAL MUNDIAL DOS TUBARÕES

Números revelados em novo estudo são assustadores… 

 

Esqueçam. Não é a África do Sul nem a Austrália que lideram o ranking mundial no que diz respeito a ataques de tubarões. É sim o estado da Flórida, na costa leste dos Estados Unidos da América. 

 

Os números revelados por um estudo recente empreendido pela Universidade da Flórida são, no mínimo, assustadores.

 

No sumário de 2016, relativo a ataques de tubarões, no estado da Florida, pode-se ler o seguinte: 

 

- 2016 registou um declínio de ataques de tubarão, 82 ataques em oposição aos 92 registados em 2015 (que detém o recorde anual); 

- 58% dos ataques foram a surfistas que se encontravam em cima das suas pranchas; 

- A nível mundial, no que a ataques de tubarão diz respeito, a Flórida regista uma fatia de 39.5%, a mais alta do globo; 

- Nenhum dos ataques foi fatal em 2016; 

- A província de Volusia detém o maior número de ataques; 15 no total;

- Só a praia de New Smyrna registou num dia 3 ataques a surfistas. 

 

Caso estejam a pensar, o Havai registou 10 ataques o ano passado, a Califórnia 4, a Carolina do Norte 3, a Carolina do Sul 2 e o Texas e Oregão registaram 1 cada. 

 

A nível mundial a Austrália viu 15 ataques não provocados terem lugar durante 2016, a Nova Caledónia 4 e a Indonésia apenas 2. As Bahamas, o Brasil, Japão, Ilha Reunião, África do Sul e Sri Lanka registaram 1 incidente cada.  

 

No total, a nível mundial, apenas 4 ataques de tubarão foram fatais. O estudo encontra-se aqui para consulta. 

 

Perfil em destaque

  • Daniel Nóbrega  Daniel Nóbrega 

    Vem da margem sul, da Costa de Caparica, e está pronto para evoluir e se tornar um grande surfista… 

Scroll To Top