Julian Wilson defende o título de Pipe Master. Julian Wilson defende o título de Pipe Master. Foto: WSL

Itens relacionados

sábado, 10 dezembro 2016 15:23

HALL OF FAME DO PIPE MASTERS

Conhece os nomes de todos os que já venceram a emblemática prova havaiana de Pipeline…

 

Com a realização do Pipe Invitational, ontem, que apurou o australiano Jack Robinson e o havaiano Jamie O’Brien para o Billabong Pipe Masters, a última etapa do World Tour da World Surf League, a primeira ronda ficou finalmente preenchida e tudo indica que arrancará hoje (por volta das 17h).

 

A prova é realizada em memória de Andy Irons, emblemático surfista das ilhas do Pacífico que venceu em Banzai por quatro vezes (2002, 2003, 2005, 2006). A janela de espera vai até ao próximo dia 20 e o campeonato é o mais importante da temporada uma vez que irá apurar o novo campeão mundial da modalidade.

 

Este ano celebra-se a 45ª edição, mas não foi só Andy Irons quem marcou as ondas do Pipe Masters. Gerry Lopez, um dos pioneiros originais (história aqui) do reconhecido spot da costa norte de Oahu, venceu o evento duas vezes consecutivas (1972 e 1973). Tom Carroll não foi o primeiro australiano a conseguir a façanha de vencer no havai, mas fê-lo por três vezes em Sua Majestade Pipeline (1987, 1990 e 1991). Já Kelly Slater é o atleta que detém mais conquistas naquela que é seguramente a mais famosa bancada do globo. O norte-americano, natural da Flórida, venceu por sete vezes em Banzai Pipeline (1992, 1994, 1995, 1996, 1999, 2008 e 2013).

 

- Kelly Slater foi o surfista que mais vezes venceu no Pipe Masters. Foto: WSL

 

Nas contas finais por nações, a Austrália e o Havai dividem 32 vitórias em partes iguais. Os EUA registam dez, enquanto a África do Sul e a França apresentam apenas uma conquista cada.

 

Ao vencer o ano passado, numa final espetacular disputada frente a Gabriel Medina (19.63 x 19.20 pontos), Julian Wilson tornou-se Pipe Master pela primeira vez na carreira e terminou o ano em 14º lugar, assegurando a permanência entre a elite mundial da WSL. Este ano, além de defender o troféu, o australiano está melhor classificado no ranking (encontra-se no 7º lugar) e tem uma chance de alcançar o cetro mundial.

 

HALL OF FAME

2015 - Adriano de Souza (Brasil)

2014 - Julian Wilson (Austrália)

2013 - Kelly Slater (EUA)

2012 - Joel Parkinson (Austrália)

2011 - Kieren Perrow (Austrália)

2010 - Jeremy Flores (França)

2009 - Taj Burrow (Austrália)

2008 - Kelly Slater (EUA)

2007 - Bede Durbidge (Austrália)

2006 - Andy Irons (Havai)

2005 - Andy Irons (Havai)

2004 - Jamie O'Brien (Havai)

2003 - Andy Irons (Havai)

2002 - Andy Irons (Havai)

2001 - Bruce Irons (Havai)

2000 - Rob Machado (EUA)

1999 - Kelly Slater (EUA)

1998 - Jake Paterson (Austrália)

1997 - John Gomes (Havai)

1996 - Kelly Slater (EUA)

1995 - Kelly Slater (EUA)

1994 - Kelly Slater (EUA)

1993 - Derek Ho (Havai)

1992 - Kelly Slater (EUA)

1991 - Tom Carroll (Austrália)

1990 - Tom Carroll (Austrália)

1989 - Gary Elkerton (Austrália)

1988 - Robby Page (Austrália)

1987 - Tom Carroll (Austrália)

1986 - Derek Ho (Havai)

1985 - Mark Occhilupo (Austrália)

1984 - Joey Buran (EUA)

1983 - Dane Kealoha (Havai)

1982 - Michael Ho (Havai)

1981 - Simon Anderson (Austrália)

1980 - Mark Richards (Austrália)

1979 - Larry Blair (Austrália)

1978 - Larry Blair (Austrália)

1977 - Rory Russel (Havai)

1976 - Rory Russel (Havai)

1975 - Shaun Tomson (África do Sul)

1974 - Jeff Crawford (EUA)

1973 - Gerry Lopez (Hava)

1972 - Gerry Lopez (Havai)

1971 - Jeff Hackman (Havai)

 

Nota: Ver também o Hall of Fame da Triple Crown Havaiana.

 

 

Perfil em destaque

  • Nilton Freitas Nilton Freitas

    Local de Porto da Cruz é um dos novos valores madeirenses… 

Scroll To Top