O australiano Josh Kerr é um dos surfistas sem patrocinador principal no momento. O australiano Josh Kerr é um dos surfistas sem patrocinador principal no momento. Foto: WSL

Itens relacionados

sexta, 24 fevereiro 2017 17:21

O RANKING DAS MARCAS NA WSL

Confere agora mesmo quem é quem no mundo do surf… 

 

A nova temporada da Championship Tour da World Surf League arranca oficialmente a 14 de março, com o Quiksilver Pro Gold Coast, Queensland, Austrália. Faltam, portanto, menos de vinte dias para voltarmos a ver como a elite mundial do surf se vai comportar e também se o treino feito na pré-temporada compensou. 

 

Desde o último evento, o Billabong Pipe Masters em Banzai Pipeline, Havai, a especulação em torno dos melhores surfistas do globo tem sido intensa e diversificada. Nas últimas semanas tivemos oportunidade de ver o ranking dos mais bem pagos de sempre, no último Dia dos Namorados também conhecemos os cinco casalinhos mais quentes do meio e pelo caminho Jordy Smith pagou-nos uma bebida pelo seu novo clube noturno

 

Também ficámos a saber quem assinou os melhores contratos da temporada e aproveitámos para mencionar que a forma de patrocinar, no futuro, deveria ser repensada. Ainda fresquinha é a suspensão do padrasto de Gabriel Medina, mas houve quem aproveitasse a época de defeso para dar o nó e selar de vez o amor pela sua cara-metade. Por último, fizemos questão de apresentar, um a um, os sete novos rookies do tour

 

No entanto, algo que ainda não vimos ser explorado foi um ranking de marcas, aquelas que realmente pagam para figurar no “nose” das pranchas de surf do top 34 da WSL. O "nose", precisamente, porque é a área mais valiosa do todo de uma prancha de surf, aquela em que figura o patrocinador principal de cada um dos atletas. 

 

Pois bem, sem perder tempo, até porque estamos de partida para o fim de semana de Carnaval, a equipa resolveu pegar num lápis e papel e passar a fazer as continhas que se impõem. Eis então o ranking das marcas que estão presentes entre a elite da WSL, o quem é quem no surf mundial, ou simplesmente as marcas que detêm maior representação no mundo do surf profissional: 

 

Quiksilver - 6 atletas (Kanoa Igarashi, Wiggolly Dantas, Zeke Lau, Connor O’Leary, Leo Fioravanti e Jeremy Flores);

Hurley - 6 atletas (John John, Filipe Toledo, Kolohe Andino, Julian Wilson, Michel Bourez e Adrian Buchan);

Rip Curl - 5 atletas (Gabriel Medina, Matt Wilkinson, Owen Wright, Mick Fanning e Conner Coffin);

Billabong - 5 atletas (Joel Parkinson, Frederico Morais, Jack Freestone, Ethan Ewing e Italo Ferreira);

Oakley - 2 atletas (Caio Ibelli e Sebastian Zietz);

Volcom - 1 atleta (Joan Duru);

Hawaiian Dreams - 1 atleta (Adriano de Souza);

Carve - 1 atleta (Stu Kennedy);

OuterKnown - 1 atleta (Kelly Slater);

Hang Loose - 1 atleta (Ian Gouveia);

O’Neill - 1 atleta (Jordy Smith).

 

Nota: Sem patrocínio e por esse motivo não contabilizados no ranking exposto, estiveram Josh Kerr (que saiu da Rusty), Miguel Pupo (que saiu da Hurley), Bede Durbidge (que saiu da Fox) e Jadson Andre (que saiu da Oakley). Também tivemos algumas dúvidas relativamente a Kelly Slater, pois o homem a maior parte das vezes não usa qualquer autocolante na prancha, mas no fundo todos sabemos por quem corre. 

Perfil em destaque

  • Mariana Garcia  Mariana Garcia 

    Tem 17 anos, muito talento e acaba de fazer uma final na Liga Nacional de Surf… 

Scroll To Top