Itens relacionados

quinta, 11 maio 2017 10:50

Tomás Pinto Abreu

Novo Perfil da Semana tem 17 anos e vem da Praia de Carcavelos…

 

Chama-se Tomás Pinto Abreu e acaba de fazer uma final no Regional de Surf do Centro realizado o fim de semana passado em Ribeira d’Ilhas, Ericeira. Como não poderia deixar de ser, o "timing" foi perfeito. Eis então as respostas ao questionário do Perfil da Semana. 

 

Nome?

Tomás Pinto Abreu.

 

Idade?

17 anos.

 

Praia local?

Carcavelos. 

 

Estudos?

12.º Ano de Escolaridade. 

 

Anos de surf?

3/4 anos de surf. 

 

Quiver?

Uma 5’6, 5’7 e duas 5’8 (uma delas mágica), todas da Burst Surfboards. 

 

“Apercebi-me que [o Surf] era um desporto incrível

e acabei por ficar viciado"

 

- Foto: Arquivo Pessoal

 

Porque escolheste praticar Surf?

Porque estava na moda na altura! (risos) Mas rapidamente apercebi-me que era um desporto incrível e acabei por ficar viciado!

 

Pico preferido?

Sem dúvida, Carcavelos! Muita gente não gosta de beach-breaks ou de muito crowd, mas eu sempre me habituei ao crowd de Carcavelos desde que começei a surfar. Por isso, hoje em dia já nem noto!

 

Última surfada memorável que tenhas feito?

Foi na Ericeira ali em picos meios escondidos, um glass incrível com altas ondas! 

 

Maior susto?

Ilha do Pessegueiro em 2015.. Ondas enormes e fiquei sem leash!

 

"Tentar superar os outros foi sempre

o fator chave que me levou a evoluir"

 

- A voar nas águas de Santa Cruz. Foto: Luís Firmo

 

Última viagem de sonho?

Ilha da Madeira, sem dúvida. Tivemos uma sorte incrível de apanhar altas ondas, glass, tubos, altas paredes. Incrível! Nem os locais acreditaram na sorte que tivemos! 

 

Competição ou free surf?

Sem dúvida alguma, competição! Quem me conhece sabe que sou muito competitivo e adoro competir! Quer esteja a treinar ou simplesmente a surfar, estou sempre focado em evoluir para ter sempre melhores resultados. Tentar superar os outros foi sempre o fator chave que me levou a evoluir e a treinar sempre mais arduamente.

 

 

Como está o surf atualmente?

Hoje em dia há com cada “grom"! Miúdos de 12 anos a mandar "full rotations" e "alley oops" enormes. Está um nível super elevado.

 

Quem é a tua grande inspiração nacional e internacional? 

A nível nacional, sem dúvida, surfistas que conheço pessoalmente e que são verdadeiros destruidores - o Eduardo Fernandes e o Ruben Gonzalez. A nível internacional o Gabriel Medina, é um autêntico animal!

 

Mensagem a deixar?

Quero agradecer à minha namorada por todo o apoio, ajuda e força que me tem dado ao longo de toda a época competitiva e o resto também. Queria também agradecer ao Zé, o shaper da Burst Surfboards pela aposta que fez em mim e aproveito para dizer que as pranchas estão mágicas! Agradecer ao Johnny pelo o apoio da Creatures e ao meu treinador, Ruben Gonzalez, por todo o trabalho que temos vimos a desenvolver. Agora é sempre a subir! Ahhh! E aproveitem as coisas boas da vida ao máximo!

Perfil em destaque

  • Francisco Pinto Francisco Pinto

    Diretamente do Magoito para o Perfil da Semana na Surftotal… 

vimeo

 

 

Scroll To Top